Publicidade
Manaus
Ambiente,Conama,Radioatividade,Semmas,Defesa Civil,Ferro Velho,Césio 137,Raio-X, Ibama, CNEN

Ibama garante que aparelho de raio-x encontrado em ferro-velho de Manaus não oferece riscos

Fiscais do órgão foram orientados pela Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), e constaram que a máquina além de danificada só oferece riscos quando em operação 13/09/2012 às 17:18
Show 1
Máquina está desativada e danificada, não oferecendo riscos
acritica.com Manaus

Uma equipe de fiscais do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) esteve nesta quinta-feira (13), no ferro-velho localizado no bairro Novo Aleixo, Zona Norte de Manaus, onde um aparelho de raio-x estaria oferecendo riscos de contaminação radioativa. Uma equipe do Corpo de Bombeiros também auxiliou nos trabalhos de fiscalização, isolando a área.

De acordo com o analista ambiental do Ibama Geandro Guerreiro Pantoja, os fiscais constaram que o equipamento não oferece riscos de radiação, por se encontrar desativado e danificado, e que o mesmo se trata de um aparelho de raio-x odontológico.

A informação de que uma máquina de raio-x teria sido descartada em um ferro-velho da cidade, explica Geandro foi comunicada à Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), que orientou os fiscais do Ibama a respeito de como proceder no local.

“Este tipo de equipamento oferece mais riscos quando em operação, mas como existem os procedimentos adequados para manipulá-lo, determinado pela Anvisa, tais riscos também diminuem “, salienta ele.

Ele chama a atenção para o fato de que este tipo de material, bem como outros equipamentos de saúde tem destinação adequada, prevista em resoluções da Anvisa e do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).

Ainda conforme os fiscais deverão elaborar um relatório sobre as condições em que a máquina se encontra, para a adoção das medidas cabíveis.

Nessa quarta-feira (12), equipes da Defesa Civil do município e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), estiveram no local, a pedido do dono do ferro-velho, para verificar a possibilidade do equipamento de raio-x conter substância radioativa.

Opinião
O anúncio do aparelho de raio-x encontrado num ferro-velo, na Zona Norte de Manaus, pelo Portal acrítica.com, nesa quarta-feira (12), despertou a atenção de inúmeros internautas. Entre eles o Técnico em Radiologia Médica e Medicina Nuclear, Edmar Andrade, que deixou um comentário registrado.

“Preocupação desnecessária, pois estamos falando de um aparelho emissor de Raios-x, um tipo de radiação eletromagnética, gerados a partir de geradores de energia de alta voltagem, impossível de ser gerada sem o mesmo, além de não possuírem em seu interior fontes radioativas. Portanto, de forma alguma poderia ser comparado ao acidente em Goiânia, onde foi encontrado um aparelho de radioterapia. Este sim, possuía em seu interior uma fonte radioativa, responsável por emitir radiação ionizante do tipo corpuscular, proveniente do núcleo instável de átomos radioativos como o Césio 137. Desta forma tornando desprezível o acionamento dos órgãos competentes, por tratar-se apenas de sucata”.