Publicidade
Manaus
Manaus

Iniciam as obras do maior centro de comercio popular de Manaus

Terraplanagem do terreno em que será erguido o shopping popular do terminal 4, no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste, é o primeiro passo do trabalho 24/07/2014 às 08:38
Show 1
Funcionários e máquinas da Secretaria Municipal de Infraestrutura deram início a construção do shopping popular T4
Jornal A Crítica ---

A Prefeitura de Manaus está executando a terraplanagem da área onde vai funcionar o shopping popular do terminal 4, no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste. Quando estiver concluído, o espaço terá capacidade para receber mais de 700 camelôs e integra o projeto Viva Centro Galerias Populares.

Nesta quarta-feira (23), a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) isolou a área com tapumes para executar a terraplanagem total e a poda das árvores do entorno para a manutenção de toda a arborização existente no local. Após essa etapa, na qual os serviços estão sendo realizados por meio da administração direta, a obra será licitada e a empresa ganhadora do certame terá o prazo estimado de nove meses para executar os serviços. A próxima etapa da obra abrange a implantação das fundações dos alicerces que sustentarão as vigas das lajes e toda a estrutura em concreto armado e ferro, além das instalações hidráulicas e sanitárias.

O shopping T4 está sendo preparado para receber em sua estrutura, além dos boxes para os trabalhadores que estão deixando as ruas do Centro, supermercado, praças de alimentação, cinema, pista de caminhada e quadras poliesportivas.

Para o secretário da Seminf, Luiz Borges, a entrega do Shopping T4 vai aquecer ainda mais o comércio da área. “O empreendimento está sendo projetado dentro de todas as normas técnicas. Ganham os trabalhadores que estavam trabalhando de forma irregular nas ruas do Centro e ganha também a população, que passa a ter um espaço de qualidade e seguro para suas compras. É um espaço que vai aquecer o comércio da área”, comentou.

Espírito Santo

A primeira parte do projeto de Galerias Populares vai se materializar na próxima semana, quando na quinta-feira for inaugurada a Galeria Espírito Santo, que abrigará 308 “ex-camelôs” que atuavam nas ruas do Centro e hoje estão abrigados em uma galeria provisória, na rua 24 de Maio.