Publicidade
Manaus
PROJETO

Doria visita governador e propõe parceria para incentivar o ecoturismo no Amazonas

Doria explicou que São Paulo pode, por meio da parceria com o AM, alavancar o grande potencial turístico da região 09/11/2017 às 17:47 - Atualizado em 09/11/2017 às 17:59
Show amazonino e doria 123
Foto: Clóvis Miranda/Secom
acritica.com Manaus (AM)

Em mais um compromisso de sua agenda na capital amazonense nesta quinta-feira (9), o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), visitou o governador do Amazonas, Amazonino Mendes, na sede do Governo, localizada no bairro Compensa 2, na Zona Oeste de Manaus. Durante a visita de cortesia, o prefeito convidou o governador a firmar uma parceria na área de turismo entre o Amazonas e a maior capital do Brasil.

De acordo com o pré-candidato à presidência da República, Manaus e o Amazonas representam um grande potencial no turismo ecológico, e São Paulo, por ser a cidade que mais recebe turistas da América Latina, pode, por meio da parceria com o Estado, alavancar o setor na região. Agências de viagens e companhias aéreas brasileiras integrariam a parceria na exploração do ecoturismo.

“Falamos da possibilidade de colocarmos uma proposta, na cooperação de turismo. Manaus e o Amazonas representam um grande destino para o turismo ecológico. E São Paulo pode contribuir para aumentar o fluxo turístico no Estado, especialmente, em Manaus, para o turismo de selva, e para a valorização das manifestações culturais, como o Festival de Parintins”, comentou o prefeito de São Paulo.

Segundo o governador Amazonino Mendes, a visita foi bastante proveitosa por se tratar de uma parceria e pela amizade que mantém com o ex-presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), desde o primeiro mandato como prefeito de Manaus, na década de 1980.

“Veio com a pragmaticidade, trazer um trabalho importante para o Amazonas, sobretudo na área que ele mais gosta e domina como ninguém, que é o turismo. Conversamos bastante sobre isso. Além de honrosa, foi extremamente fraterna e boa para o nosso Estado”, finalizou o governador.

Publicidade
Publicidade