Publicidade
Manaus
Manaus

Mãe e filho morrem após brigar com suposto filho de traficante

Conceição de Oliveira Medeiros, 59, morreu a caminho do hospital, o filho Vitor Hugo de Oliveira Medeiros, 28, conhecido como ‘Gordo’, morreu no local e o pai Manoel do Carmo Medeiros, foi encaminhado ao Hospital João Lúcio 24/11/2012 às 17:40
Show 1
Família é assassinada após briga com filho de suposto traficante
Bruna Souza/ Camila Pereira/ Thiago Monteiro Manaus, Am

Uma família teve a casa invadida na noite desta quinta-feira, 22, após confusão com filho de suposto traficante. Três membros da família foram baleados durante a invasão, dois morreram.

Segundo informações de parentes das vítimas, a confusão começou quando um adolescente de 13 anos, brincava em frente à lan house da família, por volta das 20h, localizada na frente da residência, na rua Rio Amazonas, bairro São Sebastião, zona Sul de Manaus.

Um menino quebrou o retrovisor do caminhão que pertencia a Victor Hugo – filho do proprietário da lan house –, o mesmo ficou chateado e puxou a orelha do garoto, além de dar algumas 'bofetadas' no seu rosto, que foi contar tudo para mãe, conhecida como ‘Cássia’. Na discussão a mulher gritava na frente de todos os vizinhos questionando se ‘Gordinho’ queria morrer, ela supostamente é mulher de um dos traficantes da área.

Por volta das 22h três homens voltaram ao local, arrombaram a porta da residência e efetuaram diversos disparos. Ao sair roubaram um veículo na mesma rua, modelo Gol, de cor verde, placas JWR-5849, que foi abandonado minutos depois na rua 6 do mesmo bairro.

Policiais da 16° Companhia Interativa Comunitária (Cicom) estiveram no local e informaram que a família supostamente envolvida no crime não se encontrava na casa e a polícia procura pelos mesmos.

Testemunhas afirmaram que os dois homens que invadiram e efetuaram os disparos contra a família são conhecidos no bairro, mas não quiseram informar nomes ou características dos assassinos, que ainda atiraram para o alto para intimidar quem estava próximo do local na hora do crime.

Mortes

Conceição de Oliveira Medeiros, 59, morreu a caminho do hospital, o filho Vitor Hugo de Oliveira Medeiros, 28, conhecido como ‘Gordo’, morreu no local e o pai Manoel do Carmo Medeiros, foi encaminhado ao Hospital Doutor João Lúcio onde saiu da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e está em estado estável.

Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) e a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investiga o caso.

Prisão

Laerte Maciel Lopes Júnior é suspeito de ter atirado na família, após ser identificado por testemunhas que presenciaram o crime. Durante a ação, o suspeito foi baleado na perna e encontra-se internado no Hospital da Unimed, no Parque das laranjeiras. Após receber alta, o acusado será encaminhado ao 3° Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde deve responder pelo crime de homicídio. Os outros dois envolvidos continuam sendo procurados pela policia.