Publicidade
Manaus
IMPACTO

Mais de 22% da energia do País foi desligada durante apagão, aponta ONS

Em Manaus, o apagão causou a interrupção de energia elétrica em todas as zonas. Manacapuru, Iranduba e Presidente Figueiredo foram afetadas 21/03/2018 às 16:33 - Atualizado em 21/03/2018 às 19:11
Show linhao1
Vitor Gavirati Manaus

O Operador Nacional do Sistema (ONS) informou em nota oficial que 22,5% da carga total do Sistema Interligado Nacional foi desligado durante a interrupção do fornecimento de energia elétrica que afetou os municípios das regiões Norte e Nordeste ligados ao Linhão de Tucuruí na tarde desta quarta-feira (21).

“Em consequência da perda de carga, entrou em funcionamento o primeiro estágio do Esquema Regional de Alívio de Carga do Sistema Sul, Sudeste e Centro-Oeste, com corte automático de consumidores, no montante de 4.200MW. Os sistemas Sul, Sudeste e Centro-Oeste ficaram desconectados do Norte e Nordeste”, diz trecho da nota.

O problema aconteceu no Linhão de Tucuruí, na região do Xingu, conforme a Eletrobras Amazonas Energia. 

Em Manaus, o apagão causou a interrupção no fornecimento de energia elétrica em todas as zonas da cidade. Manacapuru, Iranduba e Presidente Figueiredo foram as outras cidades amazonenses afetadas com o apagão.

Segundo o ONS, por volta de 16h15 (horário de Brasília), a carga nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil estava recomposta.“As equipes do ONS estão neste momento dedicadas à recomposição dos sistemas Norte e Nordeste, já em curso”, afirma o órgão.

O diretor da Eletrobras Amazonas Energia, Marcelo Fadoul, afirmou, mais cedo, que o fornecimento de energia elétrica pelo Linhão do Tucuruí está reestabelecido, mas não há previsão para a normalização total do serviço.

Veja a nota na íntegra:

Hoje, 21 de março, às 15h48, uma perturbação no SIN causou o desligamento de cerca de 18.000MW, majoritariamente localizados nas regiões Norte e Nordeste, correspondendo a 22,5% da carga total do SIN naquele momento.Em consequência da perda de carga, entrou em funcionamento o primeiro estágio do Esquema Regional de Alívio de Carga do Sistema Sul, Sudeste e Centro-Oeste, com corte automático de consumidores, no montante de 4.200MW.

Os sistemas Sul, Sudeste e Centro-Oeste ficaram desconectados do Norte e Nordeste.

Às 16h15 já havia sido realizada a recomposição de praticamente toda a carga no Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

As equipes do ONS estão neste momento dedicadas à recomposição dos sistemas Norte e Nordeste, já em curso.

As causas de desligamento estão sendo investigadas.

Novas informações serão atualizadas tão logo estejam disponíveis.

Publicidade
Publicidade