Publicidade
Manaus
Manaus

Marcos Cavalcante é exonerado

A exoneração assinada pelo prefeito Amazonino Mendes é datada do dia 15 de março, um dia antes de Marcos Cavalcante pedir o afastamento do cargo 23/03/2012 às 16:10
Show 1
Superintendente da SMTU pediu afastamento na manhã deste sábado (17)
Ana Carolina Barbosa Manaus

O Diário Oficial do Município (DOM) da última quinta-feira (22/03) trouxe a exoneração, a pedido, do ex-superintendente Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), Marcos Cavalcante. Ele se afastou do cargo, há sete dias, para se defender das acusações de formação de quadrilha e corrupção passiva feitas pelo Ministério Público Estadual (MPE) à Justiça. O órgão afirma que o ex-superintendente encabeça uma quadrilha a qual comercializa ilegalmente licenças para o ingresso no sistema de transporte alternativo de Manaus.

A exoneração assinada pelo prefeito Amazonino Mendes é datada do dia 15 de março, um dia antes de Marcos Cavalcante pedir o afastamento. Dias antes, o portal acrítica.com teve acesso com exclusividade a vídeos nos quais pessoas identificadas pelo vereador Ademar Bandeira como membros de cooperativas do transporte alternativo comentam como o esquema apontado pelo MPE funcionava, negociam os valores das licenças e citam, inclusive, autoridades que ocupam cargos de confiança na atual gestão. As imagens foram utilizadas em um processo investigatório realizado pelo MPE, o qual culminou em denúncia na Justiça Estadual.

Quando os indícios de fraude apontados pelo MPE vieram à tona, Marcos Cavalcante negou todas as acusações e disse que provará sua inocência. Contudo, desgastado pelas denúncias e pela pressão feita por membros da oposição na Câmara Municipal de Manaus (CMM) e Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) – alguns deles chegaram a protocolizar pedidos de afastamento do ex-superintendente e de convocação para que o mesmo prestasse esclarecimentos no parlamento municipal -, ele deixou o cargo, que hoje é ocupado interinamente pelo procurador do município Ivson Coelho.

Entenda o caso.