Publicidade
Manaus
Manaus

Mensagem Governamental de reajuste dos policiais e bombeiros chega à ALE-AM

A Mensagem estabelece 5,10% de reajuste, e tem como base no Índice de Preço ao Consumidor (IPC). O reajuste que será retroativo aos meses a abril, deve ser votado ainda nesta semana 03/07/2012 às 12:13
Show 1
O reajuste da tropa será retroativo a abril, deve ser votado ainda nesta semana
JOELMA MUNIZ Manaus

A Mensagem Governamental que estabelece o reajuste da data-base dos Policiais e Bombeiros Militares, além da Polícia Civil chegou à Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), com três meses de atraso. Ela foi protocolizada nessa segunda-feira (2), pelo representante da categoria na Casa, deputado Cabo Maciel (PR).

A Mensagem estabelece 5,10% de reajuste, e tem como base no Índice de Preço ao Consumidor (IPC). O reajuste que será retroativo aos meses a abril, deve ser votado em regime de urgência nesta quarta-feira (4), conforme afirmou o presidente da ALE-AM, deputado Ricardo Nicolau (PSD).

O atraso na revisão do beneficio foi divulgado em matéria publicada no Portal acritica.com, no dia 21 de junho. A justificativa dada pelo Chefe da Casa Civil, Raul Zaidam, foi de que o governo aguardava liberação dos dados econômicos expedidos pela Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz).

O envio do documento, também foi cobrado pelo deputado Marcelo Ramos (PSB). “Mesmo sendo um dos pontos mais batidos pelo governador o quesito segurança tem mostrado vários pontos falhos no atual governo. Além dessa situação, também tenho recebido várias denúncias sobre problemas sérios enfrentados pelos policiais”, reclamou o parlamentar, que também quer solução para a falta de nomeação de 1.865 policiais recém-formados pela PM, e que desde o dia 24 de maio deste ano vêm trabalhando como soldados, mas em seus contracheques vem recebendo o mesmo pagamento de quando estavam no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças da Polícia Militar (Cefap).