Publicidade
Manaus
Manaus

Ministro da Integração anuncia a liberação de mais R$ 8 milhões para o Amazonas

A confirmação da liberação dos recursos até o início da próxima semana foi feita ao líder do Governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB) 17/05/2012 às 19:14
Show 1
O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, garantiu mais recursos para as vítimas da cheia no Amazonas
acritica.com Manaus

O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, anunciou hoje (17) a liberação de mais R$ 8 milhões para o governo estadual socorrer as vítimas da enchente no Amazonas. A confirmação da liberação dos recursos até o início da próxima semana foi feita ao líder do Governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB), com quem Bezerra se reuniu na tarde desta quinta-feira. Com esse novo aporte, chega a R$ 24 milhões o total de recursos disponibilizados pelo Ministério nesta primeira fase de ajuda às vítimas das cheias no estado.

“Fomos ao Amazonas e comprovamos que esta é a maior enchente que já atingiu o estado. Por isso, além de recursos para ajudar diretamente às vítimas, estamos aguardando os detalhes de um pleito apresentado pelo governo do Estado para a construção de oito mil unidades habitacionais para famílias que atualmente moram em áreas passíveis de alagamento. Acreditamos que esse pleito tem plenas condições de ser confirmado”, disse o ministro.

Para Eduardo Braga, a liberação de recursos para a construção de casas em áreas distantes do risco de alagamento é uma medida para evitar que a situação de famílias que atualmente sofrem com as cheias volte a se repetir.

“Em Manaus, nós temos o Prosamim que já retirou milhares de moradores das beiras de igarapés, mas precisamos expandir essa medida também para o interior, de modo que as famílias que hoje estão sofrendo com a perda de suas casas não passem mais por isso”, enfatizou.

Crédito

Fernando Bezerra também disse a Braga que deverá ser votado hoje ou amanhã pelo Conselho Monetário Nacional a solicitação de liberação de linhas de crédito para agricultores, comerciantes, prestadores de serviços e setores da indústria prejudicados pelas cheias. O crédito poderá ser solicitado ao Banco da Amazônia.

“A presidenta Dilma Rousseff determinou o investimento de R$ 350 milhões para atender principalmente agricultores de base familiar, extrativistas e pescadores. Os pequenos produtores poderão emprestar até R$ 2,5 mil, com juros de 1% ao ano, carência de três anos para começar a pagar e prazo de 10 anos para finalizar o pagamento”, explicou Bezerra.

Reconstrução

Na reunião, o senador Eduardo Braga também solicitou ao ministro a possibilidade de liberação de recursos para ajudar na reconstrução das cidades quando as águas baixarem. O ministro afirmou que está em estudo a liberação imediata de R$ 30 milhões para serem investidos em obras de infraestrutura. Para a liberação desses recursos, o Ministério aguarda o envio de projetos básicos pelo Governo do Estado. Eduardo Braga enfatizou que a ajuda do governo federal é essencial para recuperar a infraestrutura nos municípios.

“Como exemplo das dificuldades por que passam as cidades do interior, cito o caso de Itacoatiara, que está praticamente isolada por causa da enchente. As estradas vicinais que levam a cidade estão tomadas pela água”, lembrou o senador.