Publicidade
Manaus
Manaus

Motoqueiros atiram em viatura da PM na avenida das Torres

A dupla efetuou dois disparos na direção do tanque de combustível possivelmente com o intuito de perfurar a lataria e “explodir” o carro. A polícia acredita que os dois suspeitos queriam enfrentar e debochar a guarnição  23/01/2014 às 16:22
Show 1
Viatura da Polícia Militar foi alvejada por motoqueiros na avenida das Torres
Vinícius Leal Manaus (AM)

Dois homens armados em uma motocicleta modelo Honda de 300 cilindradas, de médio porte e que alcança alta velocidade, causaram espanto em policiais militares da 16ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) na avenida das Torres, em Manaus, na noite desta quarta-feira (22).

Enquanto os PMs estavam fora do veículo fazendo vistoria em outra motocicleta na via, dois homens na moto passaram em disparada e efetuaram dois disparos em direção ao tanque de combustível da viatura e, em seguida, fugiram.

A ação, considerada audaciosa pela polícia, levantou a suspeita de que os dois bandidos quisessem intimidar a instituição Polícia Militar e até mesmo protagonizar uma cena de filme de ficção.

Segundo os soldados da PM responsáveis pela viatura 6227, que não quiseram se identificar, o objetivo da dupla talvez fosse perfurar a lataria do veículo e fazer com que os projéteis chegassem dentro do tanque de combustível até causar combustão do líquido e explodir a viatura.

“Acho que eles viram muitos filmes americanos”, disse uma pessoa que presenciou o fato e que não quis ser identificada.

Após ouvirem os disparos, os dois PMs adentraram a viatura e saíram em perseguição à motocicleta Honda pela avenida das Torres, em direção ao bairro Cidade Nova, na Zona Norte.

Como uma moto de 300 cilindradas é leve e de alta velocidade, a dupla conseguiu fugir do campo de visão da PM desviando dos carros rapidamente até sumirem na entrada do bairro Terra Nova.

Os dois policiais não conseguiram identificar a moto dos bandidos, porém verificaram que a arma utilizada por eles seria um revólver calibre 38, um armamento com baixa potência para perfurar a lataria até chegar ao tanque de combustível, se esse fosse o objetivo da dupla.

O caso será investigado pelo 20º Distrito Integrado de Polícia (DIP).