Publicidade
Manaus
Cotidiano, Ponta Negra, Afogamentos, Corpo de Bombeiros, Vendedores Ambulantes

Mulher é intimidada por ambulantes após fotografar afogamento na praia da Ponta Negra

Caso ocorreu nesta quinta-feira (15), pela manhã, quando uma mulher sofreu um ataque de epilepsia dentro da água, e foi socorrida pelos Bombeiros 15/11/2012 às 20:24
Show 1
Vítima é socorrida pelos Bombeiros, após sofrer ataque epiléptico dentro do rio
acritica.com Manaus

Ao menos quatro atendimentos de princípio de afogamentos foram realizados nesta quinta-feira (15), por equipes de Guarda-Vidas do Corpo de Bombeiros, na praia da Ponta Negra, na Zona Oeste de Manaus.

Um desses foi o de uma mulher identificada apenas como Soraide, 23, que ao entrar na água teve um ataque epiléptico. A mesma se encontrava com um grupo de amigos e aparentemente estaria alcoolizada.

A vítima foi retirada de uma área onde constam placas de advertência, para que os banhistas evitem mergulhar.

De acordo com populares que se encontravam no local, quem presenciou o ocorrido e filmou a ação dos Bombeiros, foi xingado e intimidado pelos ambulantes que comercializam bebidas na praia.

“Acredito que a reação deles tenha sido por conta da má repercussão dos afogamentos na praia, o que faz com que as pessoas se afastem do balneário”, declara uma dona de casa, de 35 anos, que filmou e fotografou a ação dos Bombeiros e foi destratada pelos vendedores de bebidas.

Ainda de acordo com a dona de casa, que preferiu não se identificar, os ambulantes afirmaram que as divulgações de imagens e dos casos de afogamentos que estão sendo registrados na praia podem contribuir para afastar o público do local.

“Estas pessoas estão mais interessadas em vender as suas bebidas, do que preservar a vida de alguém. E se fosse um turista que estivesse se afogando?”, questiona.