Publicidade
Manaus
MEDO

Mulher que se jogou do 2° andar de prédio pede proteção contra ex-companheiro

Taiane Falcão Rio está com medo de apanhar de Diego Felipe Pereira Santana caso o encontre; homem foi solto após pagar fiança de R$ 2,5 mil 13/01/2018 às 10:03
Show mulher
Vítima pode ficar com problemas nas pernas para sempre por causa da queda. Foto: Jander Robson
Fábio Oliveira Manaus (AM)

A dona de casa Taiane Falcão Rio, que se jogou na manhã da última terça-feira (9) do 2° andar de prédio para não ser agredida pelo o então companheiro Diego Felipe Pereira Santana, compareceu nessa sexta-feira (12) na Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM) para pedir mais proteção contra Diego, segundo informou a delegada titular, Débora Mafra.

“Ela está muito abalada, quer mais proteção porque o Diego foi solto, pagou fiança, então tive de soltá-lo”, confirmou a delegada. O advogado dela, que preferiu manter o nome em sigilo, afirmou que ela continua fazendo testes físicos nas pernas para saber se haverá sequelas ou não.

“Ela está fazendo exames ainda, corre riscos graves de ter problemas nos movimentos, mas a equipe médica ainda está realizando exames e testes”, disse o advogado. De muletas, Taiane chegou a DECCM e, com muitas dificuldades para andar, conversou com a delegada e muito abalada não conseguiu falar com a imprensa.

“Ela está muito fragilizada. Eu disse para ela que a imprensa ajuda com a divulgação, mas mesmo assim quando ela começa a falar sobre o fato, ela chora bastante”, comentou Mafra.

Taiane levou socos no rosto e teve a cabeça batida contra a parede por Diego, após ele desconfiar que ela o traía. Para se salvar, ela se jogou da janela do apartamento. Segundo a delegada, Taiane está morando em um novo endereço e Diego, segundo investigações, voltou a morar no apartamento deles, no bairro Santa Etelvina, na Zona Norte de Manaus, após pagar fiança de R$ 2,5 mil.