Publicidade
Manaus
Manaus

Mulher vai beber e mantém os quatro filhos em cárcere privado

As crianças estavam presas a quatro dias e o Conselho Tutelar da zona Leste a encontrou bebendo em um bar 01/10/2012 às 09:16
Show 1
Suspeita foi denunciada pelos vizinhos por trancar, sempre, as crianças por dias para ir beber
Manaus Hoje Manaus, Am

Uma mulher de 31 anos foi detida pelo Conselho Tutelar da Zona Leste 2 e apresentada à polícia, na tarde de ontem, por manter quatro filhos menores de idade em cárcere privado dentro uma casa, na rua 5, no Alfredo Nascimento, Zona Norte. Os pequenos ficaram presos por quatro dias consecutivos, de acordo com o conselheiro tutelar Francisco Castro.

 Segundo ele, a denúncia foi feita por vizinhos, que informaram que a mulher tinha deixado os filhos desde a última quinta-feira (27), sozinhos dentro da residência onde moram. “As crianças estavam com fome. A casa estava toda bagunçada, tinha roupa suja por todos os cantos. No local também verificamos que havia um forte odor de fezes das crianças”, disse o conselheiro tutelar.

Segundo ele, ao constatar que a denúncia era verdadeira, eles saíram em busca da mãe das crianças, que foi encontrada bebendo em um bar na rua Vila Nova, no Cidade de Deus, Zona Norte.

“Nós chegamos até a mãe após algumas pessoas falarem que ela sempre fazia isso. Deixava as crianças por vários dias trancadas naquele ambiente horrível e saia para ir ao bar beber”, destacou Castro.

 As vítimas, com idades entre 3 e 11 anos, foram encaminhadas à Central de Resgate, onde primeiramente receberiam comida para saciar a fome, e depois tomariam banho, pois não eram lavadas desde a última quinta-feira. Eles também receberão acompanhamento de psicólogos e assistentes sociais.

A mãe dos pequenos foi encaminhada à Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca), no conjunto Vista Bela, no Planalto.

Fiança

 De acordo com a delegada plantonista da Depca, Luciana Shelzia Antonaccio, a mãe será autuada pelo crime de abandono de incapaz. Segundo ela, neste caso será arbitrada uma fiança à suspeita, cujo valor não foi revelado pela delegada.

Crianças estavam abandonadas De acordo com vizinhos, que pediram para manter o nome em sigilo, o cárcere privado as crianças era constante nos finais de semana. Segundo uma testemunha, os pequenos sempre ficavam sozinhos dentro da casa enquanto mulher gastava todo o dinheiro que recebia do programa Bolsa Família para sustentá-los em bebida nos bares dos bairros Cidade de Deus e Alfredo Nascimento, Zona Norte.

O conselheiro tutelar Francisco Castro destacou que as crianças foram abrigadas provisoriamente na Central de Resgate, mas após os procedimentos de rotina, ficarão à disposição da Justiça do Amazonas. “As crianças receberão todo o acompanhamento necessário e o caso será repassado para a promotoria”, detalhou o conselheiro tutelar.