Publicidade
Manaus
Manaus

Nailson é absolvido no Pleno do TJD/AM e fica livre de suspensão no Amazonense

Jogador pegou seis meses de gancho na Primeira Comissão Disciplinar do TJD e na tarde desta terça-feira foi apenas advertido e pode jogar pelo Fast Clube 17/04/2012 às 19:57
Show 1
Djalma Silva foi protegido pela Polícia Militar depois do jogo em que Nailson o derrubou
Carlos Eduardo Souza Manaus (AM)

O goleiro Nailson, do Fast Clube, acusado de agredir o árbitro Djalma Silva de Souza, na partida contra o Nacional, no primeiro turno do Campeonato Amazonense e, que na Primeira Comissão disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva do Amazonas havia sido suspenso por seis meses, foi absolvido no início da noite desta terça-feira, pelo Pleno do TJD.

O jogador está livre para defender o Fast Clube no restante do Amazonense.  Devido ao julgamento desta noite, o técnico Paulo Morgado havia tirado Nailson da relação de jogadores para o jogo contra o Rio Negro nesta quarta-feira.

Na próxima terça-feira a Primeira Comissão Disciplinar deve julgar o volante Derlan, do Idanduba. O jogador agrediu o árbitro João Batista Cunha Brito, durante a partida contra o São Raimundo, dia 04 de abril, no Estádio Álvaro Maranhão, em Iranduba.