Publicidade
Manaus
Manaus

‘Não sou pretensioso em afirmar que vou vencer o primeiro turno’, diz Arthur Virgílio Neto

O candidato a prefeito de Manaus pelo PSDB disse que seu objetivo é "chegar forte ao segundo turno" 04/07/2012 às 19:16
Show 1
Artur Virgílio Neto e Hissa Abrahão
Lorenna Serrão Manaus

O diplomata e ex-senador Arthur Virgílio Neto (PSDB), candidato à prefeitura de Manaus, disse em entrevista ao acritica.com que sua meta é chegar forte no segundo turno nas eleições deste ano. “Não sou pretensioso em afirmar que vou vencer o primeiro turno. Respeito todos os candidatos e, vou trabalhar para chegar ao segundo turno forte”, pontuou. A declaração foi dada pelo diplomata dois dias após a candidata à Prefeitura de Manaus, senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB), dizer que venceria as eleições deste ano, no primeiro turno.

Arthur Vírgilio, que esteve visitando a Rede Calderaro nesta quarta-feira, disse que se depender dele e do seu vice, Hissa Abrahão (PPS), a campanha deste ano será de alto nível e sem ofensas. “Nós não vamos nos preocupar com as outras pessoas. Não queremos e nem vamos desviar o foco, que é a cidade de Manaus. Não vamos envolver questões pessoais, nosso trabalho será limpo”, comentou o candidato.

Sobre a renúncia de Rebecca Garcia, o ex-senador disse que ela seria uma forte candidata e que ficou surpreso com a saída da deputada federal na disputa. “Não sei o que aconteceu, mas acredito que pelo trabalho que já desenvolveu na cidade e no Estado, Rebecca seria uma concorrente de peso. Não sou Santo, logo não posso julgá-la, não vou atirar a primeira pedra”, completou.

Hissa Abrahão, vice na chapa de Arthur, acredita que possa existir um complô contra a candidatura de Arthur. “A desistência da Rebecca não está clara para mim, eu acredito que exista algo contra o Arthur e isso me preocupa muito”, disse Abrahão.

Sobre uma possível “revanche”, o ex-senador foi curto e grosso. “Eu não perdi a última eleição, por isso não pode haver uma revanche”, finalizou.