Publicidade
Manaus
INSEGURANÇA

Nove carros são roubados por dia em Manaus; bandidos preferem os populares

Quando não são usados em assaltos e abandonados, os veículos mais antigos são levados para o interior ou para as oficinas de desmanches 18/10/2017 às 05:00 - Atualizado em 18/10/2017 às 09:47
Show 9888
Este ano foram roubados 2.507 veículos em Manaus (Foto: Gilson Mello)
Joana Queiroz Manaus (AM)

Todos os dias, uma média de nove carros são roubados em Manaus, conforme dados da Secretária de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM). Entre os modelos mais procurados pelos assaltantes estão os populares, porém há um “nicho” especial voltado para as picapes, movimentado pelo mercado negro. 

Isso porque, na maioria das vezes, elas já têm destino definido, ou seja, são roubados por encomenda e, por ser um crime planejado, a recuperação desses modelos dificilmente acontece. É o que diz a delegada adjunta da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv), Sancha Sodré.

Conforme a delegada, as picapes não representam a maioria dos carros roubados, mas atualmente estão sendo bastante cobiçadas por quadrilhas que as roubam para vendê-las em outros estados ou até mesmo em municípios do interior do Amazonas, onde a fiscalização é mais difícil.  

Outra prática crescente na cidade são os roubos de veículos para serem utilizados em assaltos na cidade e, depois, abandonados. Para esse tipo de crime, os alvos favoritos são os carros populares, disse a delegada. “Este é o tipo de crime que mais cresce entre os investigados pela Derfv na cidade”, afirmou. 

Conforme a delegada, quando não são usados em assaltos e abandonados, os veículos mais antigos são levados para o interior ou para as oficinas de desmanches, já os mais novos vão para outros Estados, isso depois de passar por um processo de adulteração de chassi, placa e documentos.  

Furto na frente de casa

O auxiliar de serviços gerais Antônio Auzier Caranha de Lima, 55, foi um dos que teve a picape furtada por ladrões na capital. O crime aconteceu no dia 1°  deste mês. O carro, uma picape modelo S-10, de cor verde e placas JWQ-4862, foi levado da frente da casa dele, na rua Castanheira, bairro Redenção, Zona Centro-Oeste. Ele viu a ação dos bandidos pelas imagens das câmeras de segurança da casa de vizinhos, no dia seguinte. “Ainda estava pagando o meu carro e os ladrões levaram. Eu a usava para levar e trazer coisas do sítio”, disse Antônio.  De acordo com ele, foi feito Boletim de ocorrência, mas até o momento a picape ainda não foi localizada.

No dia 10 deste mês outra picape modelo S10, esta do deputado federal Pauderney Avelino, foi roubada por uma quadrilha especializada. Policiais civis saíram à procura do veículo e conseguiram recuperá-la no bairro Alvorada.  Na caça à quadrilha, o delegado Péricles Nascimento foi atingido com um tiro na mandíbula.

Veículos recuperados

A delegada da Derfv, Sancha Sodré, destacou que, neste ano, a Polícia Civil do Amazonas realizou uma operação e conseguiu recuperar 70 veículos no Estado do Pará: todos roubados no Amazonas.  Conforme a delegada, com frequência a polícia faz vistorias em oficinas e em ferros velhos e muitas vezes consegue recuperar carros que foram roubados. Conforme a delegada, o índice de recuperação chega a 70% dos veículos roubados em Manaus.

Seguros mais caros

Além de gerar sensação de insegurança às vítimas, o alto índice de roubos e furtos de veículos em Manaus preocupa também as seguradoras, que reclamam do prejuízo. Representante da seguradora HDI, João Silva diz que o preço das apólices de seguro aumenta à medida que o índice de roubos cresce.  Devido à crise econômica pela qual o País passa, muitas pessoas estão com dificuldade de colocar o carro no seguro, diz ele.