Publicidade
Manaus
Manaus

Pastor é preso por estuprar duas adolescentes em Manaus

As vítimas são obreiras da igreja onde o pastor pregava e de acordo com a polícia eram obrigadas a ter relações sexuais, pois eram ameaçadas com uma arma 01/09/2012 às 16:22
Show 1
Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (DEPCA)
Evelyn Souza e Thiago Monteiro Manaus

Preso após uma denúncia anônima, o pastor Cleison Alves de Souza, 37, foi encaminhado para a Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca) por estuprar duas adolescentes de 15 e 17 anos. As vítimas são obreiras da igreja onde o pastor pregava.

De acordo com informações da delegada plantonista da Depca, Raquel Sabat, na semana passada as vítimas foram até a delegacia denunciar o pastor por abuso sexual.

Na ocasião foi pedida a prisão preventiva do suspeito, que foi preso após uma denúncia anônima na noite dessa quinta (30) quando estava pregando na igreja Pentecostal Deus Altíssimo, localizada na Avenida Goiânia, bairro Redenção, Zona Centro-Oeste de Manaus.

Cleison foi preso por policiais civis da Depca com apoio de policias do 10º Distrito Integrado de Polícia.

Ele vai responder pelos crimes de estupro de vulnerável e falsidade ideológica. De acordo com a polícia, nos ‘ataques’ as vítimas o pastor se passava por policial e usava uma arma de fogo e distintivo da polícia.

Ainda segunda a delegada Raquel, um mandado de busca e apreensão vai ser pedido para que polícia procure por esses dispositivos usados pelo estuprador.

Em depoimento uma das vítimas contou que ele chegava a usar violência pra conseguir ter relações sexuais. Ele dizia que para que ela pudesse ter corpo de mulher, ela tinha que ter relações sexuais com ele.

Outra vítima, em depoimento disse que o pastor ejaculava e dizia que aquilo era esperma de Deus e que ela não podia reclamar.

O pastor será encaminhado para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro de Manaus.