Publicidade
Manaus
Manaus

‘Patrulha da Criança’ vai oferecer diversas atividades neste domingo

Sem fins lucrativos e sem interesses políticos, projeto embrionário vai oferecer saúde e diversão às crianças do bairro Coroado, Zona Leste, na véspera do dia destinado a elas 10/10/2015 às 15:39
Show 1
Amigos do Coroado decidiram se reunir para levar saúde e lazer às crianças do bairro, no dedicado a elas
Kelly Melo Manaus (AM)

Ver um sorriso no rosto de uma criança e conceder a ela um dia de alegria foi o que motivou a dona de casa Andrea Medeiros, 40, a encarar um desafio: mesmo sem recursos, ela montou um grupo de voluntários para realizar uma dia de lazer às vésperas do dia das crianças, para a molecada do bairro Coroado, na Zona Leste.

A meta é atender pelo menos 1 mil crianças, não só do Coroado, mas também de bairros. Além de doar brinquedos, a proposta tem o objetivo de levar ainda saúde à comunidade através de atendimentos de dentistas, pediatras, enfermeiros, atividades físicas e até corte de cabelo.

Andrea lembra que a ideia nasceu após uma criança lhe pedir dinheiro para comprar comida. “Eu estava a caminho da escola da minha filha e uma criança me parou, pedindo R$ 10 para comprar algo para a casa dela. Na hora eu não tinha, mas depois fui até a casa dela, consegui algumas coisa e doei. A partir dali, senti vontade de poder ajudar mais as pessoas”, comentou ela.

Mobilização

A partir daí, Andrea começou a mobilizar amigos para criarem o “Patrulha da Criança”. A ideia foi ganhando força e em agosto deste ano, os primeiros preparativos foram tirados no papel. Atualmente, o grupo conta com aproximadamente 60 voluntários e 12 coordenadores.

Mas o projeto ainda é embrionário. Montado há três meses, o grupo “Patrulha da Criança e Companhia” conta com voluntários que Andrea conseguiu sensibilizar para a causa. “É um trabalho difícil, mas prazeroso. Não queremos apenas presentar uma criança, mas queremos dar algo a mais e por isso, fomos atrás de parcerias para conseguir organizar o evento”, explicou a presidente do grupo, ao enfatizar que o grupo não possui apelo político nem religioso.

Projeto embrionário

Uma das integrantes do Patrulha, a também dona de casa Lucia Almeida, 36, foi uma das primeira a abraçar o sonho da amiga. “Nós sempre estamos envolvidas em causas sociais, para ajudar as pessoas. Quando a Andrea me chamou para forma esse grupo, não pensei duas vezes em ajudar. Aqui no bairro tem tanta gente que precisa, e então nós entramos de cabeça”, afirma ela, que recrutou a filha de 10 anos, Eliaby Esther Almeida, para fazer parte da missão. “É um legado que estou passando para ela. A Eliaby quis participar por vontade própria. Tanto que ela separou algumas bonecas para doar às crianças”, contou.

Programação

A primeira edição do Patrulha da Criança será realizada hoje, na quadra da escola Cacilda Braule Pinto, das 09 às 17h. As crianças vão receber atendimentos de pediatras, dentistas, profissionais de educação física, além de receber brinquedos no final da festa. A ideia do Patrulha é alcançar 1 mil crianças.