Publicidade
Manaus
Manaus

Pelo menos 20 vítimas reconhecem homem que arrombava casas para estuprar

De acordo com o depoimento das vítimas, Martlange Batalha da Costa tinha preferência por crianças. Quando não encontrava no local as vítimas deste perfil, estuprava mulheres 19/12/2012 às 11:39
Show 1
As investigações foram conduzidas pelos policiais da DERFD e prenderam o suspeito
Bruna Souza Manaus, Am

Pelo menos 20 vítimas reconheceram Martlange Batalha da Costa, de 32 anos, como suspeito de ter invadido casas e, em muitos casos, violentar mulheres e adolescentes, em Manaus. Uma das vítimas de estupro tem 11 anos.

As vítimas disseram ao delegado Orlando Amaral, titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações, que o criminoso era "cruel". Com ele, foram apreendidas cordas que supostamente eram usadas para amarrar as vítimas. Os estupros ocorriam depois que Martlange invadia casas nos bairros localizados na Zona Norte de Manaus.

Em alguns casos, segundo informou a polícia, o suspeito não conseguia realizar os estupros e apenas efetuava assaltos. Ele foi preso na tarde dessa terça-feira (18), por policiais civis da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações, na própria residência, localizada na rua Niterói, bairro Rio Piorini, mesma zona onde praticava os crimes. A investigação durou um mês.

Com Martlange Batalha da Costa foi apreendida uma arma de fogo, além de material utilizado no arrombamento das casas. De acordo com o depoimento das vítimas, Martlange tinha preferência por crianças. Quando não encontrava no local as vítimas deste perfil, estuprava mulheres.

O suspeito está preso na DERFD. A polícia pede que outras vítimas de Martlange se dirijam à delegacia para que ele seja identificado.