Publicidade
Manaus
Manaus

Plínio Valério pede licença da CMM para assumir mandato de deputado federal

O vereador disse que trabalhará em Brasília para que a ida dele para a Câmara dos Deputados seja boa para o Estado. Ewerton Campos Wanderley ocupará a vaga de Plínio na Câmara Municipal de Manaus 24/01/2013 às 08:54
Show 1
Plínio Valério foi eleito vereador com 12.053 votos
Lúcio Pinheiro ---

O vereador Plínio Valério (PSDB) informou, nesta quarta-feira (23), que vai para Brasília na próxima segunda-feira e, na terça-feira, já espera ocupar o posto de deputado federal.

Plínio irá assumir o posto hoje ocupado por Eron Bezerra (PCdoB). O comunista informou, nesta quarta-feira, que reassumirá o comando da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror).

“Eu me licencio a partir de amanhã (nesta quinta-feira, 24, da Câmara dos Deputados). Minha nomeação (como secretário) deve sair amanhã (nesta quinta-feira) no Diário Oficial, e eu reassumo a Sepror”, afirmou Eron.

Eleito vereador com 12.053 votos, Plínio disse que trabalhará em Brasília para que a ida dele para a Câmara dos Deputados seja boa para o Estado.

“Entendo que (assumir como deputado federal) é bom para o partido e para mim. Cabe a mim fazer com que seja bom para o Estado”, declarou Plínio.

Ewerton Campos Wanderley, também do PSDB, é quem ocupará a vaga de Plínio na Câmara Municipal de Manaus (CMM). Ewerton recebeu 5.665 votos nas eleições. O tucano é médico clínico geral.

Plínio informou que pedirá licença da CMM na segunda-feira, e no mesmo dia Ewerton toma posse, na sala da presidência da Casa.

O presidente da CMM, vereador Bosco Saraiva (PSDB), confirmou a posse de Everton para a segunda-feira. Até ontem, o horário não estava definido. O médico não atendeu as ligações da reportagem ao 91xx-xx97.

Bosco disse que a CMM perde um político experiente, mas ganha uma “revelação”. “(Plínio Valério) É um vereador experiente. Mas entra outro tucano. O doutor Ewerton foi muito bem votado, é uma revelação e espero que possa contribuir com o parlamento”, comentou Bosco.

Essa é a terceira mudança no quadro de vereadores eleitos em 2012. Antes da saída de Plínio, Fabrício Lima (PRTB) pediu licença para assumir a secretaria municipal de esportes.

(A íntegra deste conteúdo está disponível para assinantes digitais ou na versão impressa).