Publicidade
Manaus
Manaus

Polícia deflagra operação contra o tráfico de drogas na Zona Norte de Manaus

A operação prendeu uma mulher, e apreendeu um adolescente de 14 anos, primo da suspeita, em uma residência na Rua Prestes Filho, bairro Santo Antonio, Zona Oeste. Com eles foram apreendidos cerca de 500 gramas de pasta base de cocaína, escondida embaixo de cesto de roupa 01/06/2012 às 15:32
Show 1
Na ação foram apreendidos celulares, R$ 190 e 15 trouxinhas de cocaína
acritica.com Manaus (AM)

A Polícia Civil, a Força Especial de Resgate e Assalto (FERA), com apoio da Polícia Militar, desencadearam na manhã nesta sexta-feira (01), a operação “São João” na área da Zona Norte da cidade, com o cumprimento de seis mandados de busca e apreensão, visando combater o tráfico doméstico de droga. Os mandados foram expedidos pela Juíza de Direito, Lídia de Abreu Carvalho Frota, da 1ª Vara Especializada em Crimes de Uso e Tráfico de Entorpecente (1ª Vecute).

A operação prendeu em flagrante, Priscila Rocha Pinheiro, 20, e apreendeu um adolescente de 14 anos, primo da suspeita, em uma residência na Rua Prestes Filho, bairro Santo Antonio, Zona Oeste. Com eles foram apreendidos aproximadamente 500 gramas de pasta base de cocaína, escondida embaixo de cesto de roupa e dois aparelhos celulares.

Na ação foram apreendidos mais dois celulares, R$ 190 e 15 trouxinhas de cocaína. Mais três pessoas foram autuadas em Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por posse de entorpecente para uso próprio. Elas foram apresentadas para prestar esclarecimentos, pois, apesar de não ter sido encontrado grande quantidade de droga, há fundadas suspeitas, reforçadas pelas denúncias que as envolve na comercialização de droga.

O adolescente foi encaminhado à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), onde serão instaurados os procedimentos cabíveis. A suspeita foi encaminhada à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro. As autuadas em TCO, responderão em liberdade.

A operação contou com o efetivo de 50 policiais civis, sob a coordenação geral dos delegados Ivo Henrique Moreira Martins, do 18º DIP e João Ferreira Neto, da Seccional Norte e com o apoio operacional da Ronda Ostensiva Cândido Mariano, e foi desenvolvida embasada nas denúncias do Disk 181 e reivindicações de moradores da área que cobravam providências no combate à criminalidade e nos registros de ocorrências. Foram dois meses de investigação e levantamento de dados, para identificar e localizar os alvos.