Publicidade
Manaus
Manaus

Polícia encontra corpo que é do estudante Bruno Menezes de Souza

Tudo indica que Bruno foi morto no mesmo dia que foi levado da rua Silva Ramos para o local onde o seu corpo foi encontrado, nesta quarta-feira (29). Policiais acreditam que o soldado da PM Marcos Pinheiro foi quem matou o estudante 29/03/2012 às 19:24
Show 1
Corpo de Buno Menezes no matagal
acritica.com Manaus

O exame de DNA confirmou que o sangue encontrado no interior do carro do soldado da Polícia Militar Marcos Pinheiro, lotado na Companhia de Manuseio de Artefatos Explosivos (Marte), é mesmo do estudante Bruno Menezes de Souza,18, foi encontrado na tarde desta quinta-feira (29), em um terreno baldio, na avenida Eixo-Norte Sul, no  Distrito Industrial, zona Leste de Manaus (AM).

O resultado do exame saiu nesta quarta-feira, e divulgado pelos investigadores da Delegacia Especializada em Homicídios e Seqüestros (DEHS). O exame foi feito da amostra do sangue coletado do carro do soldado e comparado com o sangue coletado dos pais de Bruno.

Nesta quarta-feira, na DEHS, os policiais não tinham mais nenhuma dúvida de que Marcos Pinheiro está mesmo envolvido no crime de Bruno e do seu colega Everton Felippy Marreiros, 18.

O corpo de Bruno estava em adiantado estado de putrefação, com marcas visíveis de tiros. O mesmo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), onde familiares fizeram o reconhecimento do corpo por meio das peças das roupas que a vítima vestia no dia que foi levado por quatro homens, que ocupavam um carro modelo Fiesta antigo, de cor escura.

A polícia acredita que Bruno foi morto no mesmo dia que ele foi levado da rua Silva Ramos para o local onde o seu corpo foi encontrado, nesta quarta-feira.