Publicidade
Manaus
Manaus

Polícia Militar começa "Paz na Compensa" para combater a criminalidade denunciada pela população

A operação policial em um dos bairros, que ainda apresenta altos índices de vioência, receberá reforço com mais viaturas e policiais para combater a criminalidade que tem sido denunciada pelos moradores, a partir do Disque Denúncia 181 20/03/2012 às 22:18
Show 1
Policial da PM no bairro na Compensa
acritica.com Manaus

A Polícia Militar (PM) vai começar a operação “Paz na Compensa” que tem como objetivo durante 10 dias vasculhar ruas, becos e vielas deste bairro, situado na zona Oeste de Manaus (AM).

A “Paz na Compensa” vai combater a criminalidade a partir de investigações feitas por denúncias dos moradores ao Disque 181. Segundo a PM, além disto, o crescimento do índice de ocorrências policiais nos últimos dias no bairro também reforçam uma ação que contará com mais viaturas e policiais nesses dias de operação.

O secretário de Segurança Pública, coronel PM Paulo Roberto Vital explica que a operação também visa exercitar a filosofia de policiamento comunitário, que logo vai ser implantada na zona Oeste.

 - “Além das reuniões comunitárias que fazemos, não podíamos perder essa oportunidade de estreitar mais a comunicação entre a polícia e o cidadão”, disse.

De acordo com o comandante de Policiamento Metropolitano, coronel George Chaves, a operação vai combater principalmente o tráfico de drogas e tentar recuperar veículos e armas ilegais. “Na Compensa temos vários registros de homicídios motivados pelo tráfico de drogas. Por isso, vamos intensificar as investidas contra os traficantes”, afirmou.

Chaves disse ainda que além dos telefones 190 e 181, a operação “Paz na Compensa” coloca à disposição dos moradores deste bairro uma linha direta para contato com a polícia pelo telefone celular – (092) 9235.3041.

O comerciante Ednei Monteiro, 44 anos, mora há 12 no bairro, recebeu um dos folhetos entregues pela policia com o número do linha direta. Para ele, essa ação aproxima mais os moradores da polícia e acredita que vai reduzir o índice de crimes.

Palestras
O comandante da operação disse ainda que os policiais vão fazer palestras nas escolas para crianças e jovens com o intuito de ensiná-los a se prevenir do crime e do tráfico de drogas.

Na pauta, temas como os perigos na internet, como dizer não às drogas e estratégias dos traficantes.

- “Pelo menos 800 alunos, entre 13 e 18 anos, vão ter oportunidade de esclarecer suas dúvidas e fugir do envolvimento com o tráfico, inclusive com exemplos dentro da própria comunidade”, disse o tenente PM Cabral, que vai ministrar as palestras.

População aprova
Para o líder comunitário da Compensa, Afrânio Perrone, a operação “Paz na Compensa” atende o anseio da população. “Nós estávamos precisando porque o índice de homicídios e envolvimento com o tráfico cresceu nos últimos dias. É importante também que os jovens saibam que não é bom seguir o caminho do crime”, disse.