Publicidade
Manaus
Manaus

Polícia prende suspeitos de matarem o gerente da Romera no último sábado (1)

Luiz Fernando, 18 e um adolescente de 16 anos foram presos na Zona Oeste de Manaus, outros dois integrantes do bando ainda estão foragidos, eles estariam com as armas usadas no latrocínio 04/02/2014 às 22:48
Show 1
Polícia prende suspeitos de matarem o gerente da Romera no último domingo (2)
Jaíze Alencar Manaus (AM)

A polícia capturou Luiz Fernando da Silva Prestes, 18 anos e uma adolescente de 16 anos suspeitos de assaltar as lojas Romera e ainda matar o gerente do estabelecimento no sábado passado dia (1), a prisão ocorreu no início da noite desta terça-feira (4), no bairro Compensa, Zona Oeste de Manaus.

O adolescente é suspeito de ter atirado no gerente Dalvo Ribeiro Batista Neto, 38, funcionário que foi assassinado com um tiro na cabeça durante o assalto no dia primeiro deste mês.

A polícia disse ainda, que os suspeitos roubaram um veículo modelo picape S10 na estrada da Ponta Negra, na última sexta-feira (31). O veiculo foi usado no assalto à Romera.

Fernando Prestes foi encontrado pelos policiais na casa da namorada dele localizada no bairro Compensa 2, Zona Oeste.

Já o adolescente estava em sua residência também na Compensa. No local a policia encontrou dois quilos de maconha, cinco seringas, duas balanças de precisão, três celulares e dois televisores que tinham sido roubados da loja.

Foragido

A polícia procura agora por dois suspeitos de terem participado do latrocínio (roubo seguido de morte).

Na delegacia um dos suspeitos afirmou que um terceiro elemento identificado apenas como “Patrick” que teria ficado do lado de fora durante o assalto estaria com as duas armas usadas durante o assalto na loja e ainda alguns objetos roubados do estabelecimento.

Outros assaltos

Luiz Fernando teria participado de um assalto a uma agência bancária em 2012, onde o irmão dele morreu durante tiroteio na época.

Encaminhados

O adolescente foi autuado e encaminhado a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai) e Luiz Fernando encaminhado a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).