Publicidade
Manaus
Manaus

Policiais do Amazonas fazem treinamento em Brasília para a Copa 2014

O treinamento é ministrado por instrutores do Departamento de Estado de Assistência ao Antiterrorismo dos Estados Unidos (ATA) em parceria com o Ministério da Justiça (MJ) 19/06/2012 às 10:30
Show 1
O treinamento está sendo realizado na Academia de Polícia Civil de Brasília, e é voltado para policiais com nível gerencial e supervisores.
acritica.com Manaus

Em preparação para a Copa do Mundo de 2014, policiais civis e militares do sistema de segurança pública do Amazonas participam em Brasília, do curso de Gerenciamento para a Segurança de Grandes Eventos. O treinamento é ministrado por instrutores do Departamento de Estado de Assistência ao Antiterrorismo dos Estados Unidos (ATA) em parceria com o Ministério da Justiça (MJ).

O curso segue até o próximo dia 22. O treinamento está sendo realizado na Academia de Polícia Civil de Brasília, e é voltado para policiais com nível gerencial e supervisores. Além de representantes das polícias do Amazonas, participam ainda servidores do Mato Grosso, Paraná, Rio Grande do Sul e do próprio Distrito Federal.

Fazem parte da grade curricular temas como direitos humanos, formas de mitigar ameaças à segurança, tendências terroristas, empresas de segurança, metodologia de segurança em grandes eventos entre outros.

Um dos representantes do Amazonas, coronel Dan Câmara, ressalta que o Governo do Estado tem se preparado para garantir a segurança de um dos maiores eventos esportivos do mundo.

“Estamos em trabalho contínuo de inteligência, atividades e operações sempre direcionadas para a Copa do Mundo 2014. A responsabilidade é grande, mas o nosso pensamento está voltado para a excelência na prestação dos serviços”, disse.

Dan Câmara lembra que o plano de segurança pública em elaboração no Amazonas para a Manaus 2014 será testado no 47º Festival Folclórico de Parintins, que vai ser transformado em um Fan Fest a partir deste dia 26 e até o dia 2 de julho. Ele afirma ainda que um dos objetivos desse treinamento é massificar as metas da operação Copa do Mundo, assim como repassar informações dos recursos e equipamentos necessários ao planejamento do evento.

“Os instrutores são altamente capacitados e com larga experiência em gerenciamento de crises. Por isso, acredito que o curso é oportuno e de grande relevância”, explicou.