Publicidade
Manaus
Dinheiro, Economia, Porto Chibatão, Carga e Descarga, Logística, Terminal Portuário, Cabotagem

Porto Chibatão investirá R$ 80 milhões, para expandir instalações, em Manaus

Grupo completa 25 anos com aportes pesados no principal terminal portuário da cidade 12/08/2012 às 15:29
Show 1
Pátio do porto será ampliado e passará a ter 1 milhão de metros quadrados
Jornal A Crítica Dinheiro, Economia, Porto Chibatão, Carga e Descarga, Logística, Terminal Portuário, Cabotagem

Até o final de 2012, o Porto Chibatão, localizado no bairro Colônia Oliveira Machado, na Zona Sul de Manaus, vai investir R$ 80 milhões na compra de equipamentos e expansão de suas instalações. Trata-se de um aporte estratégico diante das expectativas de crescimento da Zona Franca de Manaus, que tem na navegação, seja de longo curso ou de cabotagem, o principal modal de entrada e saída de mercadorias.

O píer será ampliado dos atuais 450 metros para 650 metros. O pátio, que hoje tem 950 mil metros quadrados, passará a contar com 1 milhão de metros quadrados.

De acordo com o gerente comercial da empresa, Jhony Fidelis, a ampliação faz parte do plano da empresa para aumentar ainda mais sua eficiência. No total, 80% da movimentação de cargas em Manaus passa pelo Porto Chibatão, segundo Fidelis.

Para melhorar a eficiência dos serviços, reduzindo o tempo de movimentação de cargas, a empresa adquiriu seis empilhadeiras RTG, que permitem espaço menor entre os contêineres, além de rápida localização e remoção. Desde o final de 2011, o terminal portuário também vem adotando um novo modelo de organização no pátio, criando áreas dedicadas a clientes específicos.

O resultado das medidas já se verifica na rapidez: retirar contêineres demorava, em média, três horas; hoje a média é de 30 minutos (sem contar o tempo de vistoria por parte dos órgãos oficiais). “Hoje, nossa capacidade estática é de 38.810 TEUs. Devemos aumentar para 40 mil TEUs”, diz Fidelis.

Grupo
O Porto Chibatão é empresa integrante do Grupo Chibatão, que conta com outras quatro empresas. A primeira empresa do Grupo foi a J.F. Oliveira Navegação, fundada em 1978, no município de Coari.

A empresa possui 2,4 mil funcionários diretos, mas esse número pode ser aumentado em 5% com a ampliação das instalações
do porto.