Publicidade
Manaus
Manaus

Prefeito Arthur Neto fiscaliza obras inacabadas em Manaus

Após verificar problemas em várias áreas da cidade, foi determinado que a empresa OI seja multada por omissão no rompimento da adutora no Mauazinho 21/03/2013 às 12:27
Show 1
Prefeito cumprimenta trabalhadores durante fiscalização em obras de Manaus
acritica.com ---

O prefeito Arthur Neto fiscalizou na noite desta terça-feira (19), algumas obras que estão sendo realizadas em Manaus.

Após marcar presença na inauguração da estátua do senador Jefferson Péres, no Centro da cidade, Artur seguiu em companhia de engenheiros da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Habitação (Seminf), para canteiros de obras nas avenida Getúlio Vargas, Constantino Nery, Coronel Teixeira e no bairro Mauazinho. O objetivo da fiscalização foi checar se os trabalhos estão dentro do cronograma.

Ao chegar na Avenida Getúlio Vargas, no Centro, Arthur questionou dos engenheiros se a galeria que havia cedido na esquina da Avenida Sete de Setembro já estava recuperada.

De acordo com o superintendente da Seminf, Claudio Guenka, durante o fim de semana, por conta das chuvas, a pista havia cedido, mas a equipe de obras já havia recuperado a canalização das águas, faltando apenas a recuperação da pavimentação.


Depois, Arthur Neto foi até à obra localizada nas proximidades do viaduto do Boulevard, em seguida para o bairro Mauazinho, na zona leste e por ultimo foi até o retorno localizado na Estrada da Ponta Negra.

“A pista ganhou mais de dois metros. Assim os veículos terão mais espaço para circular. O canteiro era muito grande. Fizemos o recuo. São pequenas intervenções como esta que vão garantir maior mobilidade. Estamos estudando novas mudanças em outras partes da cidade”, disse Arthur em relação as obras do Boulevard.

“Ainda identificamos que uma cratera da empresa OI também está prejudicando os moradores. Já havia determinado que isso fosse solucionado, mas eles não resolveram. Então, a Prefeitura de Manaus vai multar a OI durante todos os dias até que o buraco seja fechado. As pessoas estão correndo riscos. Vou pedir para calcularem as autuações”, completou o prefeito sobre a adutora que havia rompido, na terça-feira (19) no Mauzinho.

Às 23h, o prefeito terminou de fiscalizar as obras, mas informou que os trabalhos continuam. “Não podemos ficar parados. Vamos continuar verifcando os problemas de dia ou de noite”, finalizou.