Publicidade
Manaus
ATRÁS DE VERBA

Prefeitura vai buscar recursos para criação de primeiro Hospital Municipal Veterinário

Projeto de construção do hospital está estimado em R$ 2 milhões e é uma iniciativa da vereadora Joana D’Arc 18/08/2017 às 18:30 - Atualizado em 18/08/2017 às 18:31
Show tratamento
Foto: Reprodução/Internet
acritica.com Manaus (AM)

A Prefeitura de Manaus, em parceria com a Câmara Municipal, trabalhará de maneira conjunta com as Organizações Não-Governamentais (ONGs) para conseguir os recursos necessários para a criação do primeiro Hospital Municipal Veterinário. O compromisso foi firmado pelo prefeito Artur Neto (PSDB) e pela primeira-dama Elisabeth Valeiko, que também preside o Fundo Manaus Solidária (FMS), nesta sexta-feira (18), durante reunião com a vereadora Joana D’Arc (PP), na sede do Executivo Municipal, no bairro Compensa, na Zona Oeste da cidade.

Durante o encontro, o prefeito elogiou a indicação da parlamentar e disse que Manaus é capaz de tratar de maneira pública e institucional o amor pelos animais. “Queremos dar o tratamento justo aos animais, que atenda à saúde pública e que mostre a nossa solidariedade com eles (os animais), tão queridos e que nos ajudam a extravasar o que vem do coração”, declarou.

De acordo com a vereadora, estima-se que serão necessários aproximadamente R$ 2 milhões para construção do Hospital Municipal Veterinário. A ideia é conseguir os recursos por meio de emendas parlamentares municipais e federais, entre outras possibilidades.

“Saio muito feliz, porque todas as nossas principais demandas foram encaminhadas, fazendo de Manaus uma cidade mais humana e que pode se tornar referência na região Norte com relação ao trato com os animais”, destacou Joana D’Arc.

Nos próximos dias, Joana cumpre agenda em Brasília (DF), onde tem audiência marcada com o ministro do Meio Ambiente (MMA), Sarney Filho, para falar sobre a proposta e a possibilidade de parceria. Uma equipe técnica das secretarias municipais de Saúde (Semsa) e de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) acompanharam a vereadora no encontro para dar celeridade às tratativas.

Castração

Outra demanda apresentada ao prefeito pela vereadora foi a ampliação do serviço de castração de cães e gatos. Hoje, o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), órgão ligado à estrutura da Semsa, realiza 54 procedimentos de castração por dia – 15 em cada uma das duas Unidades Móveis de Castração e 24 no CCZ – incluindo as demandas das ONGs de proteção animal, que prestam grande auxílio junto à população.

De acordo com o prefeito Artur Neto, já está autorizado o lançamento do edital para contratação de novos veterinários, que realizam o procedimento, para atuação em regime de 40h. “Essa é uma política muito importante para reduzirmos o número de animais abandonados nas ruas da cidade. Com a contratação, ampliaremos a oferta de serviço e prestaremos um melhor serviço à população”, reforçou. A expectativa é ampliar de 800 para 1.200 o número de castrações realizadas por mês.

Mais sobre o CCZ

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) é responsável pela execução dos serviços de castração, esterilização e microchipagem de cães e gatos no município de Manaus. Tal serviço é prestado de forma gratuita, como forma de reduzir o número de animais soltos em vias públicas e, consequentemente, diminuir o risco de proliferação de zoonoses.

Para realizar o agendamento do procedimento cirúrgico do animal, deve o proprietário comparecer a Unidade de Controle de Zoonoses responsável pelo atendimento da sua respectiva área distrital, munidos de CPF, RG e Comprovante de Residência, conforme descrito abaixo:

* Os moradores das zonas Oeste e Sul devem se dirigir a Sede do CCZ, situada na avenida Brasil, s/n, Compensa (ao lado do Caic), no período de 08h às 12h.

* Já os moradores da Zona Norte devem se dirigir à Unidade Móvel Zona Norte, situada na avenida Timbiras, 177, Cidade Nova 2 (nas dependências da Escola Municipal Sulamita Pereira Gonçalves), no período de 8h às 11h.

* Moradores da Zona Leste devem se dirigir à Unidade Móvel Zona Leste, localizada na alameda Comes Ferreira, 8.045, Zumbi dos Palmares, nas Dependências do Campus do Ifam (Antiga Escola Agrotécnica), no período de 8h às 11h.

Visando melhorar o atendimento à população, a Semsa fará a implementação do agendamento via telefone, que ocorrerá através do Disk Saúde, pelo 0800 280 8 280, com previsão de começo no mês de setembro próximo.