Publicidade
Manaus
Manaus

Presa quadrilha que realizava série de assaltos

O ex-militar, Aramilsson Furtado Mota,23, e o ex-fuzileiro naval,Josiel Silva Rego,20, encabeçavam a quadrilha que ainda era composta por Aderson Pinheiro de Silva,18, Carlos Henrique Freitas,21 e um adolescente. 09/12/2012 às 19:55
Show 1
Quadrilha foi presa pela Rocam
Maria Derzi Manaus (AM)

Os policiais da Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) capturara, na noite deste domingo (09), cinco homens, entre eles um um adolescente de 17 anos, que realizaram uma série de assaltos a estabelecimentos comerciais e a cidadãos em via pública, nos bairros  Betânia, na Zona Sul e Parque das Laranjeiras, Zona Norte.

O ex-militar, Aramilsson Furtado Mota,23, e o ex-fuzileiro naval,Josiel Silva Rego,20, encabeçavam a quadrilha que ainda era composta por Aderson Pinheiro de Silva,18, Carlos Henrique Freitas,21 e o adolescente.

Circulando pela cidade num Fiat uno de cor prata de placas JXP-1327, no início da tarde, o grupo assaltou a churrascaria Sal Grosso, localizada na Avenida Adalberto vale, Betânia. O valor roubado não foi revelado pela polícia.

Depois, a quadrilha voltou a agir, dessa vez no Parque das Laranjeiras, na rua Visconde de Canidé onde abordou três adolescentes que estavam na parada de ônibus. “Eles passaram de carro e deram a ré. Quando vimos já estavam em cima da gente, apontando a armar na nossa cabeça, pedindo o dinheiro”, disse um dos adolescentes.

Do grupo, os assaltantes levaram R$ 30,00 e três celulares. E quando decidiram ir para casa, no bairro Terra Nova II, eles ainda assaltaram outro pedestre, Calro Calunda, de quem roubaram R$ 300.

“Nós iniciamos as buscas desde o assalto à churrascaria com base na placa do carro que eles estavam usando e identificamos o endereço do dono do carro, que era um deles e chegamos aos demais. Eles moravam no Terra Nova II”, disse o Tenente da Rocam, Rene Carvalho.
Com eles, foram encontrados dos R$30, três celulares e um revólver calibre 38.

O grupo foi apresentado no 3º Distrito Integrado de Polícia e será indiciado por formação de quadrilha, assalto e porte de arma, uma vez que o revólver foi encontrado na posse do menor de idade.