Publicidade
Manaus
Manaus

Presidente da FNE afirma que obras da Copa de 2014 em Manaus serão entregues dentro do prazo

Presidente da Federação de Engenheiros diz que Manaus tem capacidade para cumprir com prazos visando o Mundial 31/03/2012 às 11:10
Show 1
Ao centro, o presidente da FNE, Murilo Pinheiro atestando a capacidade de Manaus
Carolina Silva ---

Durante o evento de assinatura do Termo de Cooperação Técnica entre a Federação Nacional de Engenheiros (FNE) e o Ministério do Esporte na manhã de sexta-feira (30) em Manaus, Murilo Celso Pinheiro, presidente da FNE, afirmou que as obras de infraestrutura necessárias para a Copa de 2014 serão concluídas dentro do prazo na capital amazonense, uma das cidades-sede do mundial de futebol.

O objetivo do Termo de Cooperação Técnica é o acompanhamento das obras nos estádios, portos, aeroportos e na área de mobilidade urbana nas 12 cidades que irão sediar o Mundial. Em seu pronunciamento, Murilo Celso Pinheiro disse que Manaus tem “capacidade” para cumprir com os prazos definidos pela Federação Internacional de Futebol Associado (Fifa). “Esse Termo é um apoio na área técnica. De fato, nós vamos acompanhar os projetos, as questões tecnológicas, vamos sugerir propostas de melhoria para o andamento dos projetos-executivos. E Manaus, assim como as outras cidades-sedes, receberá esse acompanhamento para que as obras fiquem todas prontas”, explicou.

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, também reforçou que “o Governo Federal está acompanhando atentamente” o andamento das obras em Manaus para a Copa de 2014. “Nós observamos, toda semana, o balanço do andamento das obras dos 12 estádios das cidades-sede, e também das obras de infraestrutura. Isso tudo é conduzido numa cooperação muito próxima entre o Governo Federal e os governos estaduais e municipais para garantir que sejam cumpridos”, declarou. Aldo Rebelo acrescentou, ainda, que o Termo de Cooperação Técnica trará benefícios diretos para Manaus e as outras 11 cidades-sede. “Será importante para a evolução das obras como tendo em vista que teremos uma observação independente e crítica”, diz o ministro.

 Arena e teatro

Em seu pronunciamento, Aldo Rebelo chegou a se referir à construção do Teatro Amazonas para garantir que as obras de Manaus conseguirão ficar prontas até o evento. “A cidade tem um dos maiores teatros do mundo e foi resultado de uma ousadia em relação à engenharia. Por que não conseguiria atender às exigências necessárias para sediar a Copa?”. A secretária estadual de Esporte, Alessandra Campelo, também afirmou que, além do estádio e do monotrilho, a estrutura aeroportuária e portuária também estão garantidas para a Copa de 2014. “Queremos ser a melhor cidade-sede”.