Publicidade
Manaus
Manaus

Processo do 'Quinteto Fantástico' deve ser concluído em outubro

Previsão foi dada pelo relator do processo movido pelos cinco delegados nomeados sem concurso 21/09/2012 às 11:56
Show 1
Desembargador João Simões disse que, em outubro, o caso estará resolvido
Lúcio Pinheiro ---

A decisão sobre o caso que ficou conhecido como “Quinteto Fantástico” sairá no mês que vem. Foi o que afirmou, nesta quinta-feira (20), o relator do processo, desembargador João Simões. “Até o final de outubro esse assunto estará resolvido”, declarou João Simões. A causa está sob a relatoria dele desde o início de agosto.

Reprovados em concurso para delegado, o secretário de Inteligência, Thomaz Vasconcellos Dias, Caio César Nunes, filho do ex-delegado geral Mário César Nunes, Indra Celani, que era assessora de Mário César Nunes, Laura Câmara e Herbert Lopes assumiram os cargos depois de questionar o resultado das provas na Justiça.

Publicada por A CRÍTICA, a façanha de assumirem os cargos mesmo reprovados rendeu aos delegados a alcunha de “Quinteto Fantástico”. O procurador-geral em exercício do Ministério Público Estadual do Amazonas (MPE-AM), José Hamilton Saraiva dos Santos, afirmou, em parecer enviado à Justiça Estadual, no início de agosto, que a nomeação do grupo de delegados foi ilegal.

(A Íntegra deste conteúdo está disponível para assinantes digitais ou na versão impressa).