Publicidade
Manaus
Manaus

Projetos animam artes cênicas em Manaus

 Iniciativas culturais, festivais e turnês estão entre novidades de grupos locais este ano 04/02/2012 às 12:13
Show 1
Intervenções cênicas estarão mais evidentes em 2012
Jony Clay Borges Manaus

Companhias de teatro e dança de Manaus agitam o segmento das artes cênicas da capital esse ano com novos projetos culturais, estreias de montagens inéditas e novidades em vários festivais e mostras. O talento dos artistas locais seguirá também indo cada vez mais longe, em turnês de circulação de grupos amazonenses para além das fronteiras do Estado e do País. Nesta reportagem da série “Perspectivas 2012”, confira um pouco do que vêm por aí nos palcos!

Nos festivais

Eventos que já fazem parte do calendário das artes cênicas trazem boas novidades. Promovido pela Cia de Idéias, o 3º Mova-se Festival, que acontece de 12 a 16 de junho, deverá incluir programação para os pequenos. Já o 4º Breves Cenas de Teatro traz como novidade a exposição “Fotografando a cena manauara”, com imagens de Rafael Lins retratando montagens de vários grupos locais. O festival, que rola de 21 a 25 de março no Teatro Amazonas, teve este ano número recorde de inscrições: 77 cenas de todo o País, 16 das quais foram selecionadas.

Novos eventos aportam na cena local. Um deles é o BR Clown, projeto da H Produções – também responsável pelo Breves Cenas – que vai reunir palhaços de todo o Brasil num circuito de apresentações no Largo de São Sebastião, nos dias 13, 14 e 15 de abril.

A Federação de Teatro do Amazonas (Fetam), por sua vez, pretende fazer a Mostra Paralela Repescagem, com montagens inscritas, porém não selecionadas, no Festival de Teatro da Amazônia. Ao todo, serão 12 espetáculos – 11 adultos e um infantil. Agendado para janeiro, o evento foi remarcado para 25 a 30 de março, por conta de atraso na liberação de verbas do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura da Prefeitura de Manaus.

Montagens

Companhias locais se movimentam na criação de novos espetáculos. A Cacos de Teatro –  que fará turnê nacional e internacional de seu “Em companhia de um só” (veja Box) – trabalha em “A cruz e a moça”, espetáculo de dança de rua em parceria com a Intérpretes Independentes. As apresentações acontecerão a partir do final de março, em praças da cidade, sob direção de Ricardo Risuenho. Outro projeto do grupo é “Cultura da carne”, previsto para estrear em março, com direção de Francis Madson.

Já a Cia. de Idéias planeja encenar em agosto uma peça de Nelson Rodrigues, cujo centenário de nascimento se comemora este ano. O grupo hoje negocia com os representantes da obra do dramaturgo os direitos autorais do texto a ser montado – possivelmente “Vestido de noiva”. A companhia também tem trabalho novo na dança: “Quando meu corpo transborda”, com previsão de estreia para junho.