Publicidade
Manaus
Manaus

Quatro mortes registradas nesta madrugada em Manaus

Em um dos casos, um senhor de 53 anos morreu carbonizado após a casa onde morava, no bairro Vila da Prata, ser consumida pelo fogo 04/08/2012 às 12:51
Show 1
Em um dos casos, um senhor de 53 anos morreu carbonizado após a casa onde morava, no bairro Vila da Prata, ser consumida pelo fogo
Maria Derzi Manaus

Homem morre em incêndio ocorrido, na madrugada deste sábado (4), no bairro Vila da Prata, zona Oeste de Manaus. O aposentado Roberto Sarmento Machado, 53, que se encontrava sem condições de se locomover sozinho, não teve tempo de ser retirado pela família durante incêndio que atingiu o segundo andar da casa localizada na Rua Ademar de Barros, Vila da Prata e morreu carbonizado.

Segundo os vizinhos o incêndio teve início 1h da madrugada, provavelmente causado por um curto circuito na rede elétrica. A mulher e a filha, que também sofreram queimaduras por todo corpo, tentaram retirar o aposentado, mas o incêndio consumiu rapidamente a residência, causando o desmoronamento do telhado, impedindo acesso ao aposentado que não podia andar. 

A mãe e a filha foram encaminhadas ao Hospital 28 de agosto. O corpo do aposentado foi liberado no final da manhã deste sábado (4). 

Ainda no bairro Vila da Prata, na Rua Santa Isabel, Leonilson da Silva Lima, 38, natural do município de Lábrea, foi morto com um tiro na face por volta das 2h45 da madrugada. O corpo foi encontrado no local e a autoria do crime é desconhecida. 

E no bairro João Paulo, na zona leste de Manaus, uma briga na rua resultou na morte do pedreiro José Maurício dos Santos, 47 que faleceu devido a um traumatismo craniano. O crime aconteceu nas 22h desta sexta (3), na Rua Apóstolo Penha. Após ser agredido, o pedreiro recusou-se a ser levado ao hospital para receber atendimento e encaminhou-se para casa, onde veio a falecer durante a madrugada. O autor da agressão ainda não foi identificado. 

E como resultado da violência no trânsito, um capotamento ocorrido a 1h20 deste sábado (4), na Avenida General Rodrigo Otávio, no bairro Japiim, Zona Sul, resultou na morte de Javam Nunes Friaes, 28, que veio a óbito em virtude de choque hemorrágico.