Publicidade
Manaus
Manaus

Rede Calderaro faz cobertura histórica em eleição 2012

Informação foi levada à população por meio da Internet, rádio e televisão 08/10/2012 às 07:22
Show 1
Portal acritica.com divulgou informações em tempo real sobre a eleição no Estado
Cinthia Guimarães ---

A Rede Calderaro de Comunicação realizou uma cobertura completa e integrada, utilizando a Internet, TV e rádio, das eleições municipais de 2012, desde as primeiras horas do dia até o final da apuração.

Com equipes mobilizadas nos maiores colégios eleitorais do interior como Manacapuru, Itacoatiara, Presidente Figueiredo, Parintins, os profissionais da RCC se empenharam em fazer a melhor e mais ampla cobertura jornalística do Amazonas.

O portal acritica.com saiu na frente, com notícias  em tempo real, desde a votação dos candidatos a prefeito, apuração e definição para o segundo turno, balanço das operações feitas pela Polícia Civil e Federal, denúncias, situação do trânsito e transporte coletivo, entre outros.

“O Brasil inteiro pôde saber sobre as eleições em Manaus em tempo real, porque tivemos dois links no site do UOL. Tivemos equipes nas ruas desde às 3h de domingo, acompanhando o cumprimento da Lei Seca e a atuação da polícia. Ainda transmitimos a apuração pela TV, ao vivo da sede do TRE”, informou o coordenador do portal A CRÍTICA, jornalista  André Alves.

Alves considerou positiva a cobertura em função do feed back do leitor-eleitor ao comentar as matérias do portal e os links das notícias nos perfis nas redes sociais Twitter e Facebook.

Outro ponto forte da cobertura foi a transmissão da rádio A Crítica FM desde às 7h. Os jornalistas Neuton Corrêa, Wilson lima e Carlos Souza levaram ao ouvinte inserções ao vivo de vários pontos da cidade durante todo o dia, além da opinião de comentaristas políticos, traçando um panorama do pleito.

A TV A Crítica realizou ao vivo, de 8h às 11h30, o programa Eleições 2012, onde 12 convidados, entre jornalistas da casa e importantes figuras sociais de Manaus, se revezaram em um bate-papo descontraído sobre política eleitoral.