Publicidade
Manaus
Manaus

Reforma administrativa é a primeira pauta na Câmara Municipal de Manaus

Após vitória na CMM, o novo presidente Bosco Saraiva, anunciou que a reforma administrativa será o primeiro assunto a ser discutido e votado pelos vereadores 02/01/2013 às 08:50
Show 1
O presidente da CMM, Bosco Saraiva, descarta reunião extra em janeiro
Mariana Lima ---

O presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereador Bosco Saraiva (PSDB) afirmou, em sua primeira entrevista, após ter sido eleito, nesta terça-feira (01) à noite, que a reforma administrativa será o primeiro assunto a ser discutido e votado pelos vereadores em 2013. Bosco descartou a realização de sessão extraordinária em janeiro para votar o tema. Os parlamentares retomam as atividades no dia 6 de fevereiro.

Segundo Bosco, a administração dele trará mudanças à CMM e isso será visto durante os primeiros meses de gestão. “Vamos comprar computadores novos. A Câmara será equipada e os funcionários serão treinados. As comissões serão fortalecidas com funcionários efetivos da CMM da forma que as comissões possam oferecer aos parlamentares os saberes técnicos para que quando chegarem ao plenário estejam embasados. Vamos trazer mudanças à Câmara”, disse.

O presidente da CMM descartou a compra de um novo painel de votação para a Casa. “A gente sabe que é possível fazer uma adaptação para adequar aos 41 nomes. Já decidimos que essa despesa com o painel a Câmara não vai ter”, afirmou Bosco.

Outra medida anunciada pelo parlamentar foi a escolha de quartas e quintas-feiras para realizar a licitação para a compra de produtos para a CMM.

“Todas as compras vão ser licitadas e as licitações vão ser em plenário com a presença dos vereadores. Enquanto eu for presidente da Casa as licitações vão acontecer nas quartas ou quintas-feiras, às 8h, na presença dos vereadores. A sessão da Câmara começa às 9h. De 8h às 9h acontecerão as compras da Casa”, afirmou.