Publicidade
Manaus
Manaus

Semmas detecta redução de 70% em crimes cometidos em postos de gasolina de Manaus

As operações conjuntas, que vêm ocorrendo desde o início do ano, estão concentradas em 12 postos de gasolina da cidade, mapeados pela Semmas e a PM 19/05/2012 às 15:05
Show 1
As operações conjuntas, que vêm ocorrendo desde o início do ano, estão concentradas em 12 postos de gasolina da cidade, mapeados pela Semmas e a PM
acritica.com Manaus

As operações Select, de combate à poluição sonora, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), e Etanol, da Companhia de Operações Táticas com Motocicleta da Polícia Militar, conseguiram juntas reduzir em até 70% a ocorrência de crimes cometidos em postos de gasolina da cidade. A estimativa de redução é dos coordenadores ações das duas instituições.

As operações conjuntas, que vêm ocorrendo desde o início do ano, estão concentradas em 12 postos de gasolina da cidade, mapeados pela Semmas e a PM. Equipes de fiscalização do órgão ambiental e policiais militares voltaram às ruas durante toda a madrugada deste sábado, a fim de coibir a prática da poluição sonora, além de outros crimes, como assaltos e tráfico de drogas, decorrentes da presença destes veículos nestes locais. Além dos postos, os fiscais da Semmas autuaram bares na Praça do Eldorado, Bairro da Paz e Compensa.

“O número de flagrantes de permanência de veículos tunados nos postos diminuiu bastante, porém sabemos que a tendência é de que esses carros migrem para outros locais”, explicou o diretor de Fiscalização da Semmas, Ricardo Maia, ressaltando que os veículos que foram autuados e tiveram equipamentos de som apreendidos durante a operação desta madrugada estavam concentrados em um trecho da Estrada do Turismo, em frente a casa de forró Alambique, inaugurada recentemente.

De acordo com o subcomandante do Cotam, major Encarnação, a presença ostensiva do policiamento nos postos tem caráter preventivo e a ação da polícia será contínua. “A polícia se antecipa à ocorrência dos problemas e o trabalho em conjunto com os órgãos da prefeitura tem dado excelentes resultados”, afirmou o major.

Participaram da ação também fiscais do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), Secretaria Municipal de Produção e Abastecimento (Sempab), Secretaria Municipal de Economia e Finanças (Semef), Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans), Delegacia Especializada em Meio Ambiente (Dema), da Polícia Civil, e a Guarda Civil Metropolitana.

Os fiscais da Semmas apreenderam dois veículos que estavam estacionados na Avenida do Turismo com o som ligado em volume superior a 83 decibeis, e lavraram autos de infração a outros três que tiveram os equipamento de som (caixas amplificadoras) apreendidas. A fiscalização também autuou e interditou o bar Forró do Sítio, na Rua 1, Bairro da Paz, que já havia sido notificado após denúncia feita pelo 08000-92-2000 (Linha Verde da Semmas).

Foram autuados também dois bares da Praça do Eldorado por descumprimento de interdição e reincidência na prática do crime de poluição sonora, com aplicação de multa máxima de 250 Unidades Fiscais do Município (UFMs), o equivalente a R$ 17,5 mil. Dois veículos e um estabelecimento Ilha Gelada , na Estrada da Estanave, foram notificados, um deles pela Semef por estar vendendo bebida alcoólica sem autorização para a atividade.

Outra situação verificada pelos fiscais foi a da ocupação irregular de uma APP (Área de Preservação Permenente) como estacionamento de veículos, em frente ao bar Empório, na avenida Desembargador João Machado. O proprietário do terreno deverá ser notificado. No local, existe uma placa da Semmas informando a existência da área protegida.