Publicidade
Manaus
Manaus

SMTU lança projeto para controlar frota de ônibus

O projeto pretende implantar tags (uma espécie de chip) na parte superior de todos os ônibus para que o órgão gestor da mobilidade urbana possa ter o controle operacional da frota 17/09/2012 às 14:49
Show 1
Cosfron informará se o número de ônibus nas ruas é o que está previsto no contrato. Horários também serão monitorados.
acritica.com Manaus (AM)

A Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU) divulgou durante coletiva realizada nesta segunda feira (17) o projeto piloto do Sistema de Controle Operacional e de Segurança da Frota de Ônibus de Manaus – Cosfron, que tem o objetivo de monitorar eletronicamente o controle operacional da frota.

De acordo com a SMTU, o sistema vai proporcionar maior segurança ao usuário do Transporte Coletivo da Cidade de Manaus. O custo total do projeto piloto é de R$ 1,2 milhões, com duração de quatro meses. A previsão da implantação inicial é até a primeira semana de outubro.

O projeto pretende implantar tags (uma espécie de chip) na parte superior de todos os ônibus para que o órgão gestor da mobilidade urbana possa ter o controle operacional da frota. Também serão instaladas antenas nas dez garagens das empresas, nos cinco Terminais de Integração e no da Matriz, além de vias públicas que serão definidas pelo órgão.

Segundo o superintendente da SMTU, Wesley Aguiar, o projeto é apenas piloto, mas é pioneiro na cidade de Manaus. “O órgão, por ser gestor da mobilidade urbana aqui em Manaus, não possui instrumento eficaz para gerenciar o sistema e nos precisamos ter este instrumento para poder fiscalizar e cobrar as empresas ’’ avalia Wesley.

A SMTU informa que a missão do projeto é consolidar como modelo ideal de controle operacional e de segurança da Mobilidade Urbana afim de futuramente, se estender a outros transportes de passageiros como taxi, microônibus executivos e alternativos e moto taxis.