Publicidade
Manaus
Polícia, Assaltos, Quadrilha, estuprador, Sejus, Sistema prisional

Suspeito de mais de 20 estupros em Manaus ficará em cela isolada por questões de segurança

Medida, de acordo com a Sejus, é para preservar a integridade física do suspeito, conforme assegura a lei a todos os detentos   29/08/2012 às 15:38
Show 1
Herley Nascimento é suspeito de ter praticado 22 estupros contra crianças, adolescentes e mulheres
acritica.com Manaus

Preso na manhã dessa terça-feira (28), por policiais das Delegacias Especializadas em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD) e Proteção à Criança e ao Adolescente (DEPCA), pela prática de assaltos e estupros, Herley Nascimento Santos, 31, juntamente com outras quatro pessoas, até às 14h30 desta quarta-feira (29), ainda não havia dado entrada no sistema penitenciário.

A informação é do secretário executivo adjunto da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejus), coronel Bernardo Encarnação.

De acordo com ele, como a quadrilha cometeu uma série de delitos, geralmente a transferência não é de imediato da delegacia para uma unidade prisional da cidade, em virtude do surgimento de mais vítimas do bando, outros crimes relacionados a eles, entre outros fatores.

Por questões de segurança, Encarnação preferiu não informar para onde Herley e seus comparsas serão enviados. Entretanto, ele salientou que serão adotadas todas as cautelas, para preservar a integridade física de Herley, uma vez que ele é suspeito de ter praticado mais de 20 estupros contra mulheres, crianças e adolescentes, durante os assaltos cometidos pelo bando.

“É dever do Estado preservar a integridade física de todos os presos, e neste caso iremos adotar medidas cautelosas”, explicou o secretário executivo adjunto da Sejus, ressaltando que o suspeito deverá permanecer em uma cela, isolada dos demais detentos.