Publicidade
Manaus
Manaus

Tecnologia a favor da polícia descobre casa de bandidos

Após um assalto no bairro São Jorge, polícia descobre a residência do casal de bandidos que roubou, entre outras coisas, um iphone (celular), que através deste foi possível prender Mayara dos Santos. Policiais estão na captura de seu marido, Maikon Henrique Vieira da Silva e seus comparsas 20/02/2012 às 17:42
Show 1
Maikon em três visuais
Marlen Lima Manaus

A noite de sexta-feira, 17, estava calma até que Iara Bello Ambrósio, 45, foi surpreendida pela janela de seu apartamento, no bairro São Jorge, Zona Oeste, com um revólver apontado para sua cabeça segurado pelo bandido Maikon Henrique Vieira da Silva, 22, que juntamente com o seu comparsa invadiu a pequena casa de três cômodos.

Iara assistia televisão com seus familiares quando por volta das 22h foram surpreendidos por dois ladrões que invadiram sua casa, e por meia hora ela e seu filho, Ricardo, 23, ficaram na mira de um revólver, sendo ameaçados de morte constantemente. Ela e o filho foram levados para o quarto, ali Maikon roubou os principais pertences da família. Enquanto isso, no banheiro do apartamento, Bety Ambrósio, irmã de Iara, estava presa com sua filha Hanna, 18 e seu filho João Paulo, 06. Na sala do apartamento, o parceiro de Maikon aguardava.

No roubo, os bandidos levaram sete celulares, mais de três mil reais em espécie, brinquedos, mochilas, tênis, livros, Playstation, 2 notebooks e todos os documentos de Ricardo. Sempre apontando o revólver pra cabeça de Iara, Maikon se refestelou quando viu os três pares de tênis de Ricardo, “me dei bem, é só filé, dá tudo no meu pé”, disse o ladrão.

Iphone

Porém, parte de que foi roubado no apartamento de Iara já foi recuperado neste sábado, 18, para tristeza dos bandidos. Isto só foi possível por que meia hora depois do assalto, ainda na madrugada de sábado, através de um aplicativo do Iphone roubado de uma das vítimas, pôde-se fazer o seu rastreamento, e a polícia da Rocam chegou na casa de Maikon, situada no bairro Novo Israel, zona Norte. Lá, além do que foi roubado na casa de Iara, foram também encontrados pertences de outras pessoas como aparelhos celulares, bolsas, aparelho de som, notebook, DVD, dinheiro, documentos, e uma pistola.

A comparsa e esposa de Maikon, Mayara de Souza Evangelista,22, que estava na casa, foi presa por receptação e porte ilegal de arma, além de confessar o último roubo. Ela foi uma das quatro pessoas que roubaram a casa de Iara, entre outras no bairro São Jorge. A polícia ainda foi a um local onde Maikon e seus comparsas poderiam estar, em Novo Israel, por indicação de Mayara, mas os bandidos já haviam saído. Eles continuam sendo procurados.