Publicidade
Manaus
Manaus

Terceiro suspeito de envolvimento em morte de ambulante é apresentado pela Polícia Civil

Arnalison Pinho de Moraes, 20, é suspeito de ter participado do assassinato do vendedor ambulante Rayfran Uchôa dos Santos, 28 19/01/2016 às 21:31
Show 1
Arnalison foi preso na casa da mãe dele, na Colônia Antônio Aleixo
Acritica.com Manaus (AM)

Suspeito de homicídio, Arnalison Pinho de Moraes, conhecido “Arnaldinho”, 20, foi preso pela Polícia Civil na última sexta-feira (15) como sendo um dos participantes do assassinato do vendedor ambulante Rayfran Uchôa dos Santos, 28. Ele foi apresentado na última terça-feira (19) na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

O crime ocorreu há aproximadamente um ano, na madrugada do dia 18 de fevereiro de 2015, próximo a um bar localizado na rua Marcelo Santos, bairro Zumbi 2, Zona Leste de Manaus. A motivação ainda não foi esclarecida, segundo informou o delegado Ivo Martins, titular DEHS. Ao todo, três pessoas participaram do crime.

Conforme Martins, uma mulher identificada como Luana Mendonça Maciel, que já está presa e um adolescente de 17 anos, que foi apreendido na época e encaminhado para a Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Deaai), confessaram o crime durante seus depoimentos, na época. Já “Arnaldinho” negou o crime diante do delegado.

“Ele nega, até porque os comparsas já foram presos, mas eles (Luana e o adolescente) confessam o crime, inclusive ela mesmo disse que desferiu o golpe de gargalo de garrafa no pescoço da vítima e que o Arnaldinho desferiu os golpes de pau”, explicou. Os comparsas confessaram em depoimento que mataram Rayfran porque o mesmo havia feito menção de sacar uma arma para o trio.