Publicidade
Manaus
Manaus

Tiroteio aterroriza moradores do Cacau Pirera (AM)

A população está temerosa com o crescimento de ocorrências desse tipo no local. Para uma moradora que pediu sigilo de fonte, a situação se agrava pelo baixo número de policiais circulando dia e noite pelas ruas do Distrito e também com a falta de uma delegacia no local (o único Box da PM que ficava ao lado de uma escola estadual foi desativado) 09/12/2012 às 12:08
Show 1
Uma Audiência Pública para debater o tema já foi realizada na comunidade. Entretanto, moradores afirmam que nada mudou depois da reunião
JOELMA MUNIZ Manaus

Confirmando a onda de violência crescente em alguns municípios da Região Metropolitana de Manaus, moradores do Distrito de Cacau Pirera, município de Iranduba, acordaram assustados na madrugada deste domingo (9) com troca de tiros entre uma guarnição da Polícia Militar (PM) e homens que estavam em um veículo modelo Siena de cor Preta e placa não identificada.

A situação repassada por moradores que preferiram não se identificar foi confirmada pelo Tenente Coronel Euler. Segundo ele, os policiais tentaram abordar os homens que estavam em deslocamento suspeito pelas ruas da comunidade, quando foram surpreendidos pelos disparos.

Ainda de acordo com o Tenente Coronel Euler, um tiro acertou o farol da viatura usada pelos policiais e os suspeitos conseguiram fugir. O oficial da Polícia negou a informação de que uma criança teria sido atingida por uma bala perdida.

A população está temerosa com o crescimento de ocorrências desse tipo no local. Para uma moradora que pediu sigilo de fonte, a situação se agrava pelo baixo número de policiais circulando dia e noite pelas ruas do Distrito e também com a falta de uma delegacia (o único Box da PM que ficava ao lado de uma escola estadual foi desativado).

“É fato que a construção da ponte Rio Negro contribuiu para alguns avanços, mas, o lado negativo é sem dúvida, a chegada de marginais ao nosso município. O poder público tem o dever de nos proteger disso, exigimos um trabalho mais efetivo na segurança, não é um favor que ele vai nos fazer. O elegemos e os pagamos!”, desabafou.

Casa de empresário foi assaltada

O empresário do setor de transporte hidroviário, Leôncio Nascimento Lopes, 53, teve a casa, localizada na rua do Comércio, no Cacau Pirera, foi invadida por quatro homens na madrugada da última sexta-feira (7). Sua mulher e filhas foram surpreendidas pelos assaltantes que as amarraram e levaram dinheiro e jóias da família.

Audiência Pública

Por conta do medo, a comunidade está organizando uma Audiência Pública marcada para a próxima terça-feira (11) e espera debater soluções para acabar com a onda de violência.