Publicidade
Manaus
Manaus

Trabalhador comprometeu em setembro 50,30% do salário mínimo com alimentação

Em agosto o comprometimento foi de 49,07%. Este mesmo trabalhador precisou trabalhar 101 horas e 48 minutos para comprar a cesta básica em setembro. Em agosto a jornada exigida era de 99 horas e 19 minutos 05/10/2012 às 13:14
Show 1
Assim, em setembro, o trabalhador que recebe salário mínimo precisou trabalhar, em média, 95 horas e 12 minutos, praticamente a mesma jornada média necessária em agosto, de 95 horas e 03 minutos
acritica.com Manaus

Se comparado com o mês de agosto um trabalhador ou trabalhadora que ganha um salário mínimo em Manaus comprometeu, em setembro, 50,30% de seu rendimento líquido - R$ 572,24, com a aquisição dos alimentos básicos.

Em agosto o comprometimento foi de 49,07%. Este mesmo trabalhador precisou trabalhar 101 horas e 48 minutos para comprar a cesta básica em setembro. Em agosto a jornada exigida era de 99 horas e 19 minutos.

Assim, em setembro, o trabalhador que recebe salário mínimo precisou trabalhar, em média, 95 horas e 12 minutos, praticamente a mesma jornada média necessária em agosto, de 95 horas e 03 minutos. No mesmo período do ano passado, a jornada média de trabalho exigida para a compra da cesta somava 93 horas e 58 minutos.