Publicidade
Manaus
Manaus

Trabalhadores da Justiça fazem protesto em frente ao TJAM nesta quinta-feira

Com camisas pretas, apitos, buzinas e nariz de palhaço os servidores reivindicam o pagamento imediato das parcelas da data base que estão atrasadas 20/02/2014 às 10:48
Show 1
Aproximadamente oitenta trabalhadores da Justiça do Amazonas realizaram a manifestação
Bruna Souza Manaus (AM)

Aproximadamente oitenta trabalhadores da Justiça do Amazonas realizaram uma manifestação pacífica na manhã desta quinta-feira (20) em frente ao prédio do Tribunal de Justiça do Estado (TJAM), localizado na avenida André Araújo, bairro Aleixo, na Zona Centro-Sul de Manaus. Os servidores reivindicaram o pagamento das parcelas da data base e de horas extras trabalhadas há mais de dois anos.

O protesto foi promovido pelo Sindicato dos Trabalhadores da Justiça do Estado do Amazonas (Sintjam) e contou com o apoio do Sindicato dos trabalhadores do Ministério Público do Estado (MPE).

Com camisas pretas, apitos, buzinas e nariz de palhaço os servidores pediram o pagamento imediato das parcelas da data base que estão atrasadas, o pagamento de uma hora a mais que trabalharam durante cerca de dois anos, além de reclamarem da proteção aos temporários frente aos concursados.

Segundo eles, aprovados no último concurso do órgão aguardam serem chamados e os temporários continuam nos cargos. Há um mês, um grupo de aprovados no concurso do TJAM, para cargos administrativos, ocorrido em outubro de 2013, também protestou em frente à sede do órgão. Eles alegaram na ocasião que eram contra a demora das nomeações nos diversos cargos ofertados no certame.

*Com informações do repórter Luciano Falbo de A Crítica