Publicidade
Manaus
Manaus

Traficantes são denunciados e acabam presos na Zona Leste de Manaus

A polícia surpreendeu o quinteto e em uma busca na área conseguiu apreender uma sacola com drogas e um revólver calibre 38, pendurada em muro de uma casa abandonada 29/01/2013 às 12:25
Show 1
o caso foi registrado no 30° Distrito Integrado de Polícia (DIP)
Bruna Souza e Jhonny Lima Manaus, AM

Uma quadrilha que dominava o tráfico de drogas no beco do Povo, localizado na rua Mirra, bairro João Paulo II, na Zona Leste, foi presa por policiais militares durante o expediente de funcionamento da boca conhecida na região. Quatro pessoas foram detidas, e uma menor de idade, apreendida.

Adriano Isaac de Souza Carneiro, 18, Emerson de Souza Ramos, 33, Humberto Ramos de Souza, 20, Raquel Pereira de Almeida, 26, e a adolescentes, de 16 anos, foram denunciados por tráfico de drogas por meio do telefone da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

Os policiais foram até o local onde funcionava a boca de fumo e chegando lá, a polícia surpreendeu o quinteto e em uma busca na área conseguiu apreender uma sacola com drogas e um revólver calibre 38, com 11 munições intactas, pendurada em muro de uma casa abandonada.


A quantidade de droga apreendida foi de 17 pacotes de maconha, 41 trouxinhas de cocaína, 42 papelotes de maconha, 48 trouxinhas de oxi, 25 trouxinhas de pasta base de cocaína e mais uma balança de precisão.

Os suspeitos foram levados ao 30° Distrito Integrado de Polícia (DIP) onde estão sendo ouvidos e os dados verificados no sistema da polícia para averiguar se os nomes dados realmente pertencem aos presos, pois nenhum estava com o documento de identificação na hora da abordagem policial.

Os quatro maiores de idade serão autuados por tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo, tendo em vista que o revólver estava com a numeração raspada e depois encaminhados à cadeia pública Raimundo Vidal Pessoa. A adolescente será enviada à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Ifracionais (DEAAI).