Publicidade
Manaus
Manaus

Três pessoas são presas com 111 kg de cocaína no interior do AM

De acordo com o major Ayrton Norte, comandante do 3º Batalhão de Polícia Militar (BPM), a droga estava na comunidade do Ingá, próxima ao município do Uarini. Os moradores da comunidade, conforme o major, fizeram a denúncia ao Grupamento de Polícia Militar (GPM) que é destacado na região. 18/12/2012 às 08:23
Show 1
Cocaína esta escondida atrás de uma árvore de castanheira, segundo major Norte
Laynna Feitoza Manaus, AM

Na tarde deste sábado (15) policiais do 3º Batalhão de Polícia Militar (BPM) apreenderam 111 kg de pasta base de cocaína no município de Uarini (a 568 km de Manaus). A droga estava em 38 rolos plásticos, sob poder de Tomás Ruiz Tenazor, 34, Raimundo Moraes Chunha, 27, e Ivan Costa Pacaia, 19. A ação foi realizada em conjunto com a Polícia Civil por volta das 13h.

De acordo com o major Ayrton Norte, comandante do 3º Batalhão de Polícia Militar (BPM), a droga estava na comunidade do Ingá, próxima ao município do Uarini. Os moradores da comunidade, conforme o major, fizeram uma denúncia anônima ao Grupamento de Polícia Militar (GPM) que é destacado na região. “Eles denunciaram a forma suspeita de como aqueles elementos estavam ali”, informou o major.

Segundo informações preliminares, os homens estavam tentando comprar farinha para tentar rechear os sacos com a droga e enviar à capital amazonense. A droga apreendida equivale a meio milhão de reais, e cada um receberia 5 mil pelo transporte do material, conforme os policiais.

“Os policiais militares que estavam lá diligenciaram o local, e vendo que havia controvérsia na conversa deles, os PM’s foram atrás da casa abandonada em que os homens estavam e encontraram três sacos de droga atrás de uma árvore de castanheira, sob um buraco forrado com madeira. Um tinha 38 kg, outro 37 kg, e outro 36 kg”, disse o comandante Ayrton.

Os três homens, que foram presos em flagrante, estão sendo autuados por tráfico de drogas. O trio é do município de Benjamim Constant e será mantido na Delegacia de Polícia de Uarini. Ainda conforme o comandante, as medidas cabíveis já estão sendo tomadas pela Polícia Civil. O município de Uarini, após a ocorrência, recebeu reforço de mais uma guarnição de Força Tática do BPM.

“Nós faremos uma operação de translado em conjunto com a Polícia Federal, para que essa droga seja incinerada com determinação judicial”, afirmou o major. A operação foi coordenada pelo Cabo Ota Filho, comandante de grupamento do município. O trio foi apresentado ao 58º Distrito Integrado de Polícia (DIP), localizado em Uarini.

Operação Papai Noel

O 3º Batalhão da Polícia Militar tem circunscrição de comando em 7 municípios do estado, entre eles o município de Uarini. “Após a ocorrência, recebemos ordens do Comando Geral da Polícia Militar, para que reforçassem a Operação Papai Noel não apenas na cidade, mas na área fluvial”, complementou o major Norte.

A Operação Papai Noel visa inibir o tráfico de drogas e o ataque de piratas através do Comando de Policiamento do Interior (CPI). A operação ocorrerá até o dia 15 de janeiro, nas áreas terrestre e fluvial da área abrangida pelo 3º BPM.