Publicidade
Manaus
ESTADO CLÍNICO

Três vítimas de explosão e incêndio em Anori seguem internadas em Manaus

Benesson, com 60% do corpo queimado, continua grave. Leandro segue estável e Jaime espera nova cirurgia 19/10/2017 às 18:33 - Atualizado em 19/10/2017 às 19:24
Show show 671519
Foto: Arquivo/AC
acritica.com Manaus (AM)

Três vítimas da explosão e incêndio de barcos em Anori (a 195 quilômetros de Manaus) continuam internadas na capital. Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (Susam), dois homens seguem no Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto e um no Hospital João Lúcio. Uma das vítimas recebeu alta hospitalar nessa quarta-feira (18).

Leandro Albuquerque Momoria, de 22 anos, continua na UTI do Centro de Tratamento de Queimados (CTQ) desde sábado (14). Conforme a Susam, as queimaduras provocadas pelas chamas do acidente resultaram em ferimentos de 2º grau em 60% do corpo da vítima. Leandro possui quadro estável, respirando espontaneamente e mantendo sinais vitais na faixa normal. Ele deve ser transferido para a enfermaria do CTQ.

A segunda vítima internada no hospital é Benesson Ribeiro de Souza, de 25 anos. Ele também está no CTQ com queimaduras de 2º grau em cerca de 60% do corpo. A Susam informou que o quadro dele é grave com melhora acentuada em relação à 48h. O paciente respira espontaneamente com níveis tensionais normais e sem o auxílio de medicações.

No Hospital João Lúcio continua internado Jaime Viana Xavier. Ele sofreu uma fratura exposta na tíbia. Ele segue sob o efeito de medicação e a equipe do hospital aguarda a reversão da lesão para realizar a cirurgia definitiva.

Alta médica

Nessa quarta, Nehilton Santos da Silva, de 33 anos, teve alta médica. O paciente havia apresentado quadro de intoxicação por inalação de fumaça e foi liberado.