Publicidade
Manaus
COMODIDADE

Defensoria Pública da zona norte será a segunda a ter agendamento por telefone

O objetivo é acabar com as filas nas unidades e melhorar a satisfação dos assistidos com os serviços da DPE-AM 20/09/2017 às 18:12
Show capturar
(Foto: Divulgação)
acritica.com Manaus (AM)

A unidade da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) que fica no PAC do Shopping Via Norte, bairro Monte das Oliveiras, zona norte de Manaus, será a segunda da instituição a implantar o projeto piloto de novo modelo de atendimento que, entre outras mudanças, prevê o agendamento por telefone, por meio do Disk 129. O objetivo é acabar com as filas nas unidades e melhorar a satisfação dos assistidos com os serviços prestados pela DPE-AM. O defensor público geral do Amazonas, Rafael Barbosa, se reuniu com a equipe da unidade nesta quarta-feira, 20 de setembro, para alinhar os últimos preparativos para a implantação do projeto piloto.

A mudança no modelo de atendimento é fruto de um processo de modernização administrativa da DPE-AM, explicou o defensor público geral. Desde janeiro deste ano, o Instituto Áquila presta consultoria à instituição para modernizar a gestão, trabalho que iniciou com um amplo diagnóstico em todos os processos administrativos da Defensoria Pública, em especial o atendimento da população.

“A razão de existir da Defensoria Pública são seus assistidos. Assim, o que nos interessa é ter o melhor índice de satisfação possível da população e só conseguiremos isso se promovermos as mudanças que estamos fazendo”, disse Rafael Barbosa, ao destacar que os resultados já se mostram positivos com o projeto piloto em funcionamento na unidade da DPE-AM do PAC Alvorada, na zona centro-oeste de Manaus. Lá, o agendamento pelo Disk 129 já está em funcionamento desde 28 de agosto de 2017. Até o último dia 15 de setembro, o Disk 129 atendeu 1.098 pessoas, das quais 382 foram para agendamento. As demais ligações foram para solicitar informações e encaminhamentos para outras unidades.

Com o novo modelo, além de marcar o dia para atendimento, o assistido ou a assistida tiram dúvidas sobre suas demandas e se informam sobre documentos necessários. De acordo com o coordenador do Disk 129, defensor público Thiago Rosas, o agendamento e consulta prévia pelo telefone tem permitido reduzir o tempo de atendimento da população, que tira suas dúvidas antes de ir a unidade, onde já chega com a documentação correta.

O mesmo sistema será implantado na unidade da DPE-AM do PAC Shopping Via Norte. A previsão é que o projeto piloto entre em operação no local em novembro deste ano. Nesta quarta-feira, estiveram reunidos com as defensoras públicas, servidores, estagiários e residentes que atuam na unidade, o defensor público geral, Rafael Barbosa, defensor público Thiago Rosas, os consultores do Instituto Áquila, Laura Barreto e Matheus Teixeira, a diretora e a diretora adjunta de Planejamento da DPE-AM, Lúcia Carla Gama e Caroline Ortiz Simonetti, respectivamente, e a diretora de Comunicação da instituição, Cristiane Mota.

O planejamento para implantação do projeto piloto na unidade da DPE-AM do PAC Shopping Via Norte foi elaborado pelo Instituto Áquila em conjunto com a Diretoria de Planejamento e as defensoras públicas que atuam no local: Heloísa Helena Queiroz de Matos Canto e Petra Sofia Portugal Mendonça Ferreira, titulares da 9ª e 10ª Defensorias Públicas de Atendimento de Família, Sucessões e Registros Públicos, respectivamente.