Publicidade
Manaus
Manaus

Vanessa tem material de campanha apreendido pela segunda vez esta semana

Vanessa também foi notificada, na última quarta-feira (26), pelo MPT, após flagrante de menores de 18 anos panfletando em favor da candidata no conjunto Eldorado 27/09/2012 às 20:25
Show 1
A Coligação Melhor Pra Manaus da candidata Vanessa Grazziotin (PCdoB) assinou Termo de Ajustamento de Conduta – TAC, com o Ministério Público do Trabalho
Ana Carolina Barbosa Manaus

A Comissão de Fiscalização do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) apreendeu, na tarde desta quinta-feira (27/09), cerca de dois mil exemplares de folhetos de campanha da candidata pela coligação ‘Melhor pra Manaus’, Vanessa Grazziotin (PCdoB), no campus da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), localizada na avenida André Araújo, Aleixo, Zona Centro-Sul. A legislação vigente proíbe este tipo de prática em espaços públicos. A coligação e o legenda ao qual a postulante ao cargo está filiada serão notificados.

Esta é a segunda apreensão de material impresso da prefeiturável só esta semana. Vanessa também foi notificada, na última quarta-feira (26), pelo Ministério Público do Trabalho da 11ª Região (MPT), após flagrante de menores de 18 anos panfletando em favor da candidata no conjunto Eldorado.

Na ocasião da Ufam, a fiscalização do TRE-AM flagrou, por volta das 16h de hoje, quatro pessoas distribuindo material oficial de campanha, as quais negaram serem cabos eleitorais e se identificaram apenas como simpatizantes da candidata. Contudo, segundo informações da comissão, estima-se que o número de pessoas praticando a distribuição era maior, mas algumas deixaram o local ao notar a presença dos fiscais.

Ainda na tarde de hoje, membros da comissão procuraram a reitoria da instituição de ensino para informar sobre a mobilização e pedir providências para coibir a prática no campus. De acordo com informações da comissão, a reitoria se comprometeu em emitir um memorando circular alcançando toda a comunidade acadêmica, para informar da proibição da prática.

Muito embora o grupo flagrado tenha informado não pertencer ao núcleo de campanha, tanto a coligação de Vanessa Grazziotin quanto o partido ao qual ela está filiada serão notificados e as provas recolhidas, as quais foram levadas ao TRE, serão encaminhadas ao Ministério Público Eleitoral (MPE) para avaliação e adoção, se necessário, das medidas cabíveis. Não está descartada a aplicação de multa, conforme a comissão.