Publicidade
Blogs

Descubra o estilo de vida e decoração Hygge

Saiba como o estilo de vida dinamarquês conhecido como hygge também pode ser aliado na disposição dos ambientes da sua casa 10/07/2018 às 16:05
Show capturar
Apesar de usado frequentemente em lugares de inverno, adaptar ao clima manauara não é difícil.

Maria Paula Santos
Manaus (AM)

O dinamarquês é considerado como a população mais feliz do planeta, mas pra viver dessa forma existe um segredo que os ajuda a apreciar os bons prazeres da vida. Chama-se hygge (pronuncia-se huga) e, como a palavra “saudade”, não tem tradução exata. É assim, uma espécie de aconchego com consciência entre amigos e familiares que você dispõe em seu lar.

Em uma tentativa de buscar a sensação de paz, esse conceito de aconchego faz parte da arte de criar uma atmosfera simpática, prezando pelo conforto e bem-estar do ambiente. Por isso, por mais que seja utilizada na decoração, principalmente em países de inverno, devido ao frio das casas em baixas temperaturas, trazer o conceito para nossa realidade não é nada difícil.

“Ele não é um estilo de arquitetura, é mais uma atitude. Então um dos jeitos de adaptar isso para Manaus é valorizar o máximo de luz natural, pra eles faz falta, mas nós temos bastante e sabemos valorizar. Adicionar elementos de decoração naturais na casa, como artigos de madeira, velas, vasos com plantas... tudo que a deixe mais confortável e acolhedora” explica a arquiteta Caroline Bonfim.

Iluminação Natural

No Hygge, cuidar da iluminação é imprescindível para que o ambiente seja convidativo. Velas são importantíssimas: elas trazem aconchego e intimidade, as perfumadas estimulam os sentidos.

A luz natural também é fundamental – preste atenção ao aproveitamento das janelas, elimine todo e qualquer adorno que impeça ou dificulte a passagem do sol durante o dia e escolha cortinas que tragam leveza. Carol ainda destaca que usar cores cinza, branco e tons pastéis ajuda na hora de ressaltar essa luz vinda de fora.

Para conseguir aproveitar melhor a iluminação já existente na casa, a arquiteta dá uma dica simples: “Sempre tentar deixar os móveis virados, ou com uma visão direcionada para a janela ou sacada é o ideal, assim nessa direção eles podem obter a luz natural de forma mais fácil”, diz.

Toque Especial

Colocar flores sobre uma mesa e até mesmo uma música de fundo podem fazer todo o diferencial, provocando um prazer simples e bem-estar. Texturas de madeira ou pedra, lã, linho e algodão ajudam no ar de aconchego.

“Podemos inclusive criar vigas aparentes no teto ou colocar falsas também no teto de madeira, graças a esse ar mais rústico e antigo que elas trazem. É possível usar a madeira em objetos de decoração, aparadores, bancos, mesas de centro, as opções vão de acordo com o gosto de cada um, pra mim quanto mais escura mais aconchegante, ai dá pra usar a nogueira, frejó escuro entre outros”, diz Caroline.

Almofadas e itens com materiais de toque suave e confortável também traduzem perfeitamente o conceito. Recomenda-se usar também mantas nos sofás, procurar sempre texturas mais fofas além de quadros mais simples retos e com cores mais neutras. “Nos quadros também busca-se deixar a casa mais simples e confortável, e o que poderia ser mais aconchegante do que ter fotos e lembranças de pessoas importantes e relembrar os momentos felizes daquele momento? O cuidado na decoração é apenas deixar a foto se sobresair, por isso molduras mais simples são recomendadas” diz.

Estar próximo à natureza também faz parte do ritual. No geral, o importante é você pensar em ter um momento para se cuidar e relaxar após as obrigações é necessário, e fazer isso em um local onde se sinta igualmente confortável é muito importante, então basta escolher o cômodo da casa que mais traz esse sentimento e aproveitar.