Publicidade
Blogs

Em meio a correria do cotidiano, elas arranjaram tempo para o esporte se tornando atletas nas horas vagas

Com disciplina e foco, elas fazem questão de praticar seu esporte e garantem que o exercício auxilia na disposição pessoal e profissional 19/11/2018 às 17:52
Show 1542664031999042 7ecb9ed3 64f3 423c b649 1fcd4632c321
Danielle Alecrim e Simone Haddad não abrem mão da rotina matinal de exercícios. (Foto: Winnetoun Almeida/ Antônio Lima)

@mariapaulasantos
Manaus/AM

A desculpa mundial para não praticar exercícios conhecida como “não tenho tempo” foi completamente deixada de lado por profissionais renomados na cidade. Entre empresários, médicos e advogados, o cansaço da rotina de trabalho não os deixa abrir mão do esporte, esse que por sinal se tornou tão querido que hoje, os transformou em praticamente atletas de suas modalidades, superando seus limites e desafios próprios.

Um grande exemplo dessa superação é da advogada corporativa Danielle Alecrim, que atua na sua área há mais de 15 anos e não deixou nem a rotina, nem os imprevistos da vida, atrapalharem sua saúde. “Eu comecei na corrida e depois fui pro triathlon. Comecei a correr em 2008 após o término do meu primeiro casamento, foi uma espécie de terapia para mim. Me apaixonei pelo esporte e a migração pro triathlon ocorreu 5 anos depois de uma maneira bastante natural”, disse.

De acordo com Danielle, a principal mudança que sentiu após começar a praticar o exercício foi a qualidade de vida, hoje afirma ter mais disposição até para o trabalho, uma vez que seus treinos começam às cinco da manhã e terminam às sete, sem atrapalhar a rotina. “Manter a disciplina e o foco é a parte mais difícil, além do treino tem que ter alimentação equilibrada”, alertou.

Desde Sempre Pra Sempre

Criada em meio a disciplina do esporte, Simone afirma que a paixão a qual desenvolveu pela musculação é dada pelos frutos que colhe durante todos esses anos. “O esporte na minha vida faz parte da minha educação, assim como a cobrança da escola e notas, existia também a cobrança da prática de exercícios e acabei me encantando, então faz parte da minha da rotina. Mas acredito que muito disso é vontade própria porque não estaria até hoje praticando e vou continuar o resto da vida, se não quisesse. Conheço muitas pessoas que até tem o incentivo mas não é o bastante, a motivação vem dos seus resultados, me sentir bem, olhar no espelho e me amar, ter uma saúde boa e fazer exames e estar tudo perfeitinho”, comemora.

Na hora de conciliar a vida profissional e a esportiva, a empresária costuma dizer que “na vida as coisas não precisam ser fáceis, bastam ser possíveis”, reiterando a dificuldade e o desafio para continuar na rotina, mas que com gestão de tempo é possível administrar tudo, por isso opta por sua malhação ser a primeira atividade do dia, justamente para que se torne prioridade, o que no final de tudo acaba em prazer e realização pessoal.

Curiosidades

A advogada Danielle Alecrim coleciona medalhas e histórias das várias competições que já participou, “comecei fazendo corridas de 5km depois de 10km, e fiz minha primeira meia maratona um anos após começar a treinar. Já fiz 4 meia maratonas sendo uma em Paris, e a última em Chicago. Também participei do IRONMAN 70.3 - forma de triathlon de meia distância -, no Rio de Janeiro”, celebrou Dani. E toda essa garra é compartilhada com seu atual marido que já participou de vários Ironmans, e hoje é o seu maior incentivador além de ser a maior inspiração de sua companheira e parceira.