Segunda-feira, 21 de Setembro de 2020
DADOS

Amazonas chega a 1719 casos e 124 mortes pelo novo coronavírus

Os óbitos em investigação no momento são 31, o maior já registrado até aqui desde o início da pandemia no Amazonas; taxa de letalidade supera os 7%



WhatsApp_Image_2020-04-16_at_14.39.31_9D49817C-AA89-4CF7-B4EB-800494EE4956.jpeg
16/04/2020 às 14:42

Em franco crescimento na região, os casos confirmados de coronavírus no Amazonas chegaram a 1719, com 124 óbitos no total - 18 novas mortes foram registradas em um período de 24 horas. Os dados foram apresentados no início da tarde desta quinta-feira, em balanço das autoridades de saúde do Estado. 

De acordo com a diretora-presidente da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), Rosemary Costa Pinto, a tendência é que os números das próximas 24 horas sejam ainda maiores. Só de óbitos em investigação no momento são 31, o maior já registrado até aqui desde o início da pandemia no Amazonas. “Amanhã certamente teremos um número ainda maior em função do que estamos vendo nas unidades de saúde hoje”, explicou ela, alertando que há um um prazo de processamento mínimo dos dados epidemiológicos de 24 horas.  



Com o número de mortes chegando a 124, a taxa de letalidade da doença no Amazonas cresceu e passou de 7% pela primeira vez, atingindo 7,2%. Isso significa que a cada 100 pacientes, sete morrem da doença no Amazonas. Também houve um acréscimo significativo no número de pacientes internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs). Ontem, eram 175 pacientes internados em UTIs. Hoje, esse número é de 208. Além disso, os internados em leitos clínicos eram 404: hoje, com os dados atualizados, já são 480.

A doença já atingiu 21 municípios do interior, registrando óbitos em oito deles: Manacapuru (149 casos e seis óbitos), Iranduba (18 casos e 3 óbitos), Parintins (11 casos e três óbitos), Careiro Castranho (5 casos e um óbito), Carauari (3 casos e um óbito), Novo Airão (2 casos e um óbito), Tefé (2 casos e um óbito) e Manicoré (um caso e um óbito). 

Ainda conforme os dados atualizados pela FVS-AM, são 221 pacientes considerados fora do período de transmissão, ou seja, recuperados da doença. No entanto, estes dados referem-se apenas a pacientes da rede pública. As autoridades para integrar os dados de alta com os hospitais particulares, o que deve fazer este número crescer exponencialmente nos próximos dias.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.